Argentina

Família de Messi é novamente alvo de bandidos na Argentina; prejuízo é de cerca de R$ 105 mil

Prima de Antonela Roccuzzo, esposa de Messi, foi assaltada em Rosário, quando estava a caminho de um banco

A família de Messi viveu outro drama após a vitória da Argentina sobre o Brasil por 1 x 0 na última terça-feira (21), no Maracanã, pela 6ª rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2026. Desta vez, a vítima foi uma prima de Antonela Roccuzzo, esposa do craque argentino.

Os bandidos abordaram a mulher e dois dos seus funcionários em Rosário, 300 quilômetros ao norte de Buenos Aires, e levaram cerca de R$ 105 mil. A quantia em dinheiro pertencia ao supermercado “Único”, da família de Antonela, e seria depositada em um banco na cidade.

O roubo foi “rápido e violento”. As informações são do portal Infobae. Os assaltantes estavam a bordo de um veículo e desceram para quebrar uma das janelas do carro que levava a prima de Roccuzzo e os dois trabalhadores. Os três carregavam duas malas com o dinheiro.

Um dos funcionários alega que a gerente do supermercado tentou acelerar para tentar evitar o assalto, mas acabou sendo impedida porque outro veículo estava a frente. Durante o roubo, os bandidos atiraram pelo menos uma vez contra o carro.

Ninguém se feriu gravemente durante o assalto. Os médicos constataram apenas alguns arranhões e alterações na pressão dos ocupantes do veículo devido ao susto. Agora, as autoridades analisam os vídeos das câmeras de segurança da área para tentar identificar os assaltantes. Essa não é a primeira vez que a família de Messi sofre algo parecido.

Família de Messi já foi vítima de ataque no início de 2023

A família de Messi já foi vítima de um ataque no início de 2023. Em março, duas pessoas em motocicletas disparam 14 tiros com armas de fogo contra uma das filiais do supermercado dos familiares de Roccuzzo. Segundo a mídia local, os suspeitos ainda deixaram um bilhete ameaçando o craque argentino:

“Messi, estamos te esperando. [Pablo] Javkin (referindo-se ao prefeito de Rosário) também é narcotraficante, não vai cuidar de você”.

Após o episódio, o prefeito de Rosário culpou as diferentes forças de segurança por não combaterem o crime organizado de maneira eficaz. Vale ressaltar que a cidade é a mais violenta da Argentina. A taxa de homicídios em 2022 foi de 22,1 por 100 mil habitantes, número cinco vezes maior em relação à média nacional. Ainda de acordo com dados oficiais, a maioria dos casos está relacionada ao tráfico de drogas.

Lionel Messi, Antonela e seus filhos costumam passar as férias de fim de ano em Rosário, incluindo Natal e Ano Novo. O craque argentino nasceu e viveu na cidade até se mudar para Barcelona, na Espanha, ainda adolescente. Na Europa, alcançou o status de um dos maiores jogadores de futebol de todos os tempos.

Apesar de mais um caso envolvendo violento envolvendo a família de Messi, a tendência é que eles viajem para a Argentina para cumprir a tradição de estar na terra natal. Campeão da Copa do Mundo no Qatar, o jogador do Inter Miami é querido por todo o país.

Foto de Matheus Cristianini

Matheus Cristianini

Formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Unesp, é apaixonado por esportes, acima de tudo o futebol. Por mais redundante que seja, ama escrever sobre o que é apaixonado, ficando de olho em tudo o que acontece dentro e fora de campo. Após passar por Antenados no Futebol, Bolavip Brasil, Minha Torcida e Esportelândia, se juntou à equipe da Trivela com muita vontade de continuar crescendo.
Botão Voltar ao topo