Sem categoria

Uruguai busca surpremacia na América do Sul

Antes do início da Copa América, Argentina e Brasil eram apontados como favoritos ao título. Depois das duas potências aparecia o Uruguai, mas sempre com ressalvas. Apesar das semifinais alcançadas na última Copa do Mundo, os uruguaios enfrentavam algumas desconfianças por conta da má fase de seu melhor jogador, Diego Forlán. De qualquer modo, era apontado como o conjunto melhor preparado. E no final das contas a Celeste Olímpica chegou mais uma vez.

Neste domingo, às 16h, no estádio Monumental, em Buenos Aires, o Uruguai busca seu 15o título da competição e a confirmação, definitiva, de melhor time do momento no continente americano. Terá pela frente o Paraguai, que por sua vez busca um feito inédito. Até agora a Albirroja empatou todos seus jogos no torneio, e pode ficar com a taça sem vencer uma única partida.

Se Forlán realmente ainda não brilhou até agora, o papel de protagonista da seleção uruguaia tem ficado à cargo de Luis Suárez. O atacante do Liverpool já marcou três gols na Copa América e tem feito ótimas partidas.

Outra peça importante do time tem sido o zagueiro Diego Lugano. O jogador reconheceu o clima de euforia que o país vive com o momento da seleção uruguaia: “Aconteceu algo parecido no Mundial também, quando as pessoas estavam eufóricas, não só pelo resultado, mas porque todos se identificam muito com esse time. Esperamos retribuir tudo isso em campo”.

O provável Uruguai que deve ir a campo é Fernando Muslera, Maximiliano Pereira, Diego Lugano, Sebastián Coates e Martín Cáceres; Egidio Arévalo Ríos, Diego Pérez, Álvaro Pereira e Álvaro González; Diego Forlán e Luis Suárez.

Do lado paraguaio, o atacante Lucas Barrios fez questão de demonstrar enorme confiança: “Estamos esperando a final com muita vontade. As finais não se jogam, se ganham. E esperemos ganhá-la”, disse o atacante.

A equipe do técnico Gerardo Martino, que, suspenso, não poderá ficar no banco de reservas, fez seu último treino no estádio de San Lorenzo, em Buenos Aires, com portões fechados, mas não deve ter nenhuma grande novidade, com exceção da ausência do lesionado Roque Santa Cruz. O time titular deve ser composto por: Justo Villar; Iván Piris, Paulo da Silva, Darío Verón e Elvis Marecos; Néstor Ortigoza (Édgar Barreto), Enrique Vera, Víctor Cáceres e Cristian Riveros; Haedo Valdez e Pablo Zeballos.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo