Sem categoria

Uefa rejeita apelo de clube macedônio acusado de manipulação

O apelo do clube macedônio, FK Pobeda, contra a decisão tomada pela Uefa em abril, foi rejeitado. Os acusados foram suspensos de competições organizadas pela entidade por oito anos, enquanto o presidente e jogador da equipe foram banidos do esporte, por quebra de princípios de integridade e disciplina.

O Pobeda foi acusado de manipulação em partidas da Liga dos Campeões, na fase de grupos, contra o FC Pyunik, dias 13 e 21 de julho de 2004. As denúncias vieram após constatação de diversas apostas irregulares para os confrontos, além da palavra de testemunhas.

O Comitê Disciplinar da Uefa tomou a decisão dia 17 de abril deste ano, quando o presidente Aleksandar Zabrcanec e o jogador Nikolce Zdraveski foram banidos do esporte, não podendo mais atuar em qualquer atividade relacionada ao futebol. O clube recebeu suspensão de oito anos de competições da Uefa, valendo a partir da próxima temporada.

A entidade europeia ainda espera que a Fifa estenda a punição para nível de competições mundiais.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo