Sem categoria

“Tudo deu certo para nós”, diz Wenger após goleada

O técnico do Arsenal, Arsène Wenger, afirmou que “era impossível prever” a goleada de 7 a 0 que o time aplicou sobre o Slavia Praga nesta terça-feira, no Emirates Stadium, pela terceira rodada do grupo H da Liga dos Campeões.

O resultado mantém o time londrino com 100% de aproveitamento na competição européia, com um impressionante saldo de 11 gols.

“Queríamos marcar três pontos e jogar bem, mas algo assim não dá para prever”, disse Wenger. “Tudo deu certo para nós. Marcamos o primeiro gol na primeira oportunidade”.

O treinador francês se referiu ao gol do espanhol Cesc Fàbregas, logo aos 5 minutos de jogo. Fàbregas marcou duas vezes, a exemplo do jovem atacante Theo Walcott, que aproveitou bem a oportunidade como titular na LC.

“Eu queria que Theo começasse jogando em uma partida importante, e ele jogou bem. Ele é calmo e clínico na frente do gol”, elogiou Wenger. Os outros gols foram marcados por David Hubacek (contra), Aleksandr Hleb e Nicklas Bendtner.

A goleada igualou o maior resultado do Arsenal em competições européias – 7 a 0 contra o Standard Liège, em 1993, pela extinta Recopa. Também foi repetido o maior placar da LC desde a mudança de formato (em 1992), obtida em 2003 pela Juventus contra o Olympiacos.

Na partida de volta contra o Slavia, dia 7 de novembro, o Arsenal precisará apenas de um empate para assegurar, com duas rodadas de antecipação, sua passagem às oitavas-de-final.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo