Sem categoria

Rooney responde a Kaká: 3 a 2

Em um jogo de duas viradas, o Manchester United derrotou o Milan por 3 a 2 nesta terça-feira, em Old Trafford, no jogo de ida das semifinais da Liga dos Campeões. Cristiano Ronaldo fez 1 a 0 no primeiro tempo, mas Kaká marcou duas vezes para deixar o Milan em vantagem antes do intervalo. Na segunda parte, Wayne Rooney respondeu ao brasileiro, comandando uma virada concluída nos acréscimos.

O United começou com um ritmo forte e levou apenas 5 minutos para sair na frente. Após escanteio cobrado por Ryan Giggs, Cristiano Ronaldo desviou de cabeça na direção do gol. Na tentativa de se antecipar a Gabriel Heinze, o goleiro Dida desviou a bola contra o próprio gol. A autoria acabou atribuída ao português.

O Milan equilibrou as ações a partir dos 15 minutos, e chegou ao empate aos 22. O passe de Clarence Seedorf encontrou Kaká na entrada da área, e o brasileiro bateu Heinze em velocidade antes de concluir para as redes e marcar seu oitavo gol na competição.

O nono viria aos 37, em uma bela jogada individual. Kaká recebeu lançamento longo de Dida, se livrou de Darren Fletcher e ficou sozinho diante de Edwin van der Sar após passar por Heinze e Patrice Evra, que se chocaram. Com categoria, o camisa 22 rossonero concluiu sem chances para o goleiro holandês.

Ainda no primeiro tempo, Evra – que era dúvida por problemas físicos – levou um cartão amarelo que o deixa suspenso para a partida de volta, dia 2 de maio, em Milão.

Na etapa final, o Milan voltou com Daniele Bonera na defesa em substituição a Paolo Maldini. O técnico Carlo Ancelotti foi obrigado a mexer novamente aos 8 minutos, quando o volante Gennaro Gattuso saiu lesionado para a entrada de Cristian Brocchi. Kaká desperdiçou a chance do terceiro gol pouco antes de ver o United chegar ao empate, aos 14 minutos.

O gol saiu de uma bela troca de passes no ataque da equipe da casa. Paul Scholes tocou por elevação para Rooney, que dominou no peito e bateu com precisão. Dida ainda conseguiu tocar na bola, mas não impediu que ela fosse parar mas redes.

O goleiro do Milan se redimiu na falha do primeiro gol com uma grande defesa aos 19 minutos, no disparo de Darren Fletcher em um rebote de fora da área. O time visitante ainda fez sua última alteração – Yoann Gourcuff no lugar de Alberto Gilardino -, e tudo apontava para o empate até Rooney decretar a virada nos acréscimos.

Em jogada de contra-ataque em velocidade, Giggs encontrou o atacante da seleção inglesa em posição para bater de pé direito da entrada da área, acertando o canto esquerdo e definindo o resultado.

Mostrar mais

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo