Sem categoria

Real Madrid faz o dever de casa: 4 a 0 no Tottenham

O Real Madrid confirmou seu favoritismo na Liga dos Campeões. Nesta terça-feira, no Santiago Bernabéu, goleou o Tottenham por 4 a 0, pelo jogo de ida das quartas de final, e se aproximou demais da próxima fase da competição.

Agora, na Inglaterra, os Spurs terão que devolver a goleada para ao menos levar a decisão para a prorrogação.

Os merengues começaram pressionando, e logo com quatro minutos abriram o placar. Após cobrança de escanteio, Emmanuel Adebayor subiu no meio da área e cabeceou forte, para baixo, marcando seu primeiro gol pelo Real na LC.

A situação dos Spurs – que perderam Aaron Lennon lesionado no aquecimento – se complicou mais um pouco quando, aos 15 minutos, Peter Crouch deu um carrinho em Marcelo e recebeu o segundo cartão amarelo. Apesar das reclamações do inglês, o árbitro alemão Felix Brych expulsou o jogador.

Após isso, o Real passou a dominar totalmente a partida, não deixando o Tottenham sair do campo defensivo. No entanto, o domínio em campo não era transformado em chances de gol, e assim os ingleses foram se sentindo mais à vontade.

Tanto que aos 28, em uma cobrança de lateral, quase os Spurs empataram: Gareth Bale cobrou para Rafael van der Vaart, livre no meio da área, que dominou no peito e na hora de finalizar foi desarmado por Ricardo Carvalho. No minuto seguinte, foi a vez do galês avançar pela esquerda e chutar com perigo.

No final da primeira etapa, os merengues voltaram a dominar o jogo. Aos 41 minutos, em um chute de Ángel di María, a bola bateu na mão de Michael Dawson na área, lance que gerou muita discussão entre os madridistas.

Já no segundo tempo, o Real voltou como começou a partida: pressionando muito. E aos 11 minutos, Özil cobrou rápido o escanteio para Marcelo, que levantou na cabeça de Adebayor. O togolês subiu livre e marcou o segundo dos donos da casa.

Os merengues seguiram na pressão, e aos 20 Adebayor quase marcou seu terceiro no jogo, após cruzamento de Lassana Diarra. Mas o terceiro do Real saiu pouco depois: aos 26, Di María recebeu pela direita, cortou para o meio e, da entrada da área, bateu de pé esquerdo, no ângulo, sem chances para Gomes.

Para sacramentar a vitória, e transformá-la em goleada, Kaká pela esquerda cruzou para Cristiano Ronaldo, aos 42 minutos, finalizar de pé direito e fazer seu gol: 4 a 0. As duas equipes voltam a se enfrentar, no jogo da volta, na próxima quarta-feira em Londres.

Ficha técnica

Real Madrid 4×0 Tottenham

Local: Santiago Bernabéu (Madri)
Árbitro: Felix Brych (ALE)
Gols: Emmanuel Adebayor aos 4'/1T e 11'/2T, Ángel di María aos 26'/2T e Cristiano Ronaldo aos 42'/2T (Real Madrid)
Cartões amarelos: Emmanuel Adebayor e Pepe (Real Madrid); Peter Crouch, Rafael van der Vaart e Jermaine Defoe (Tottenham)
Cartão vermelho: Peter Crouch (Tottenham)

Real Madrid
Iker Casillas, Sergio Ramos, Pepe, Ricardo Carvalho e Marcelo; Sami Khedira (Lassana Diarra aos 15'/2T), Xabi Alonso, Mesut Özil, Ángel di María (Kaká aos 31'/2T) e Cristiano Ronaldo; Emmanuel Adebayor (Gonzalo Hiaguaín aos 29'/2T). Técnico: José Mourinho.

Tottenham
Gomes, Vedran Corluka (Sébastien Bassong aos 34'/2T), William Gallas, Michael Dawson e Benoît Assou-Ekotto; Sandro, Luka Modric, Rafael van der Vaart (Jermaine Defoe no intervalo), Jermaine Jenas e Gareth Bale; Peter Crouch. Técnico: Harry Redknapp.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo