Sem categoria

Os mais intransponíveis na defesa

Se Andrea Pirlo foi o maestro da Juventus, Arturo Vidal carregou o piano para que a orquestra bianconera fosse regida. O chileno foi imprescindível no equilíbrio do time de Antonio Conte, sendo um dos principais responsáveis pela campanha invicta na Serie A. Foram 5,4 desarmes por jogo, que deram tranquilidade suficiente para que a defesa se mantivesse intacta em mais da metade dos jogos.

Ao lado de Vidal, quem também impressionou no principal fundamento defensivo foi Jérémy Toulalan, facilitando a vida de Santi Cazorla no meio de campo. Depois do francês, Valon Behrami puxa o segundo pelotão, com diferença de média significativa em relação aos dois grandes especialistas.

Nos outros quesitos, Ryan Shawcross e Juan Valera se destacam mais por saberem expulsar a bola da área do que por roubarem-na de seus adversários. E Jermaine Jones justifica a fama de bad boy graças ao alto número de faltas cometidas. Curiosamente, Mattia Destro e Mario Mandzukic, dois atacantes, também aparecem entre os mais faltosos.

Desarmes por jogo
1º – Arturo Vidal (Juventus-ITA) – 5,4
2º – Jérémy Toulalan (Málaga-ESP) – 5,3
3º – Valon Behrami (Fiorentina-ITA) – 4,9

Faltas cometidas por jogo
1º – Jermaine Jones (Schalke 04-ALE) – 3,4
2º – Mattia Destro (Siena-ITA) – 3,1
3º – Mario Mandzukic (Wolfsburg-ALE) – 3
3º – David Jarolim (Hamburg-ALE) – 3

Bolas afastadas por jogo
1º – Ryan Shawcross (Stoke City-ING) – 13,4
2º – Bruno Ecuele Manga (Lorient-FRA) – 11,4
3º – Michele Canini (Cagliari-ITA) – 10,1

Chutes bloqueados por jogo
1º – Andrea Lisuzzo (Novara-ITA) – 1,4
2º – David Wheater (Bolton-ING) – 1,4
3º – Grant Hanley (Blackburn-ING) – 1,4

Bolas aéreas ganhas por jogo (defensores)
1º – Juan Valera (Getafe-ESP) – 4,4
2º – Karim Haggui (Hannover 96-ALE) – 4
2º – Federico Fazio (Sevilla-ESP) – 4

– Voltar

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo