Sem categoria

Nuno Gomes é o herói ‘encarnado’ na conquista da Supertaça

O Benfica conquistou a Supertaça Candido de Oliveira na primeira partida oficial do técnico Ronald Koeman à frente da equipe. O clube do Estádio da Luz bateu o Vitória de Setúbal por 1 a 0, com um gol de Nuno Gomes, aos 6min da segunda etapa. O Benfica volta a ganhar a taça depois de 16 anos de espera,

Para a partida, Koeman escalou somente Nuno Gomes como atacante do Benfica, com o brasileiro Geovanni e Simão fazendo o apoio. Durante a partida, o técnico holandês chamou várias vezes a atenção do ex-jogador do Cruzeiro para que ele abrisse a jogada pelas laterais.

O treinador Norton de Matos, do Vitória, respondeu com uma formação similar, com uma linha defensiva de quatro homens e somente Heitor no comando do ataque. A diferença entre as duas equipes é que o time de Setúbal jogava no erro do Benfica, que tinha de tomar a iniciativa.

O jogo não foi muito espetacular e revelou um Benfica ainda aquém de suas expectativas, especialmente no que diz respeito à criação e à incisividade do ataque, praticamente colocada sobre as costas de Nuno Gomes. Além de ser o único atacante, Gomes constantemente era forçado a voltar para buscar jogo.

O gol do Benfica veio aos 6min da segunda etapa, quando o brasileiro Geovanni fez passe a para Ricardo Chaves que viu Beto livre para deixar Nuno Gomes diante do goleiro do Vitória, mas sem chances de reação. O clube de Setúbal reagiu e pressionou até o fim do jogo, que ganhou um pouco de dinâmica, mas não teve mais nenhuma mudança no placar.

Mostrar mais

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo