Sem categoria

LDU derrota Pachuca e está na final do Mundial

Muitos apontavam que esta edição do Mundial de Clubes seria a primeira onde a final não teria um representante da América do Sul. Não foi desta vez. Nesta quarta-feira, no estádio Nacional, em Tóquio, a LDU venceu o Pachuca por 2 a 0 e se classificou para a final da competição. O time equatoriano, agora, aguarda o vencedor da outra semifinal, entre Manchester United e Gamba Osaka.

O campeão da Taça Libertadores da América, quando derrotou o Fluminense no pênaltis, em pleno Maracanã, perdeu alguns de seus principais jogadores desde então, caso do atacante Guerrón. Já os mexicanos do Pachuca haviam eliminado o Al Ahly nas quartas-de-final e demonstraram um bom futebol. Nesta terça, no entanto, o que se viu foi uma LDU bem organizada, diante de um adversário desesperado.

A LDU começou a partida, sob muita chuva, pressionando. Logo aos cinco minutos, a defesa do Pachuca bobeou feio. Após uma bola roubada no meio-campo, Manso avançou e tocou para Bieler. A zaga afastou, mas a bola bateu em López e sobrou para o próprio Bieler tocar para as redes, na saída do goleiro Calero.

Depois que levou o gol, o time mexicano tentou sair mais para a partida. A posse de bola era toda deles, mas a ineficácia impedia que alguma chance clara de gol fosse criada. Assim, aos 25 minutos, levaram o segundo. Bolaños, em cobrança de falta na entrada da área, bateu com o pé direito e marcou um golaço.

Na segunda etapa a LDU se aproveitou dos contra-ataques, enquanto o Pachuca pressionava. E eram os equatorianos que mais assustavam, nas jogadas puxadas por Bolaños e Manso. Pelo lado da equipe mexicana, o argentino Cristian Gimenez, destaque do jogo contra o Al Ahly, mal apareceu, enquanto Bruno Marioni ficou isolado na frente.

No final, um resultado justo. A decisão do Mundial de Clubes da Fifa acontece no domingo, às 8h30, no estádio Nissan, em Yokohama.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo