Sem categoria

Final da Copa da Confederação Africana termina em confusão

A final da Copa da Confederação Africana terminou em confusão. Logo após o empate sem gols entre Étoile du Sahel e FAR Rabat, neste sábado, e que deu ao clube tunisiano o título do torneio, jogadores do time marroquino tentaram agredir o juiz sul-africano David Bennett.

Os atletas do FAR Rabat reclamaram da anulação de um gol da equipe nos minutos finais do jogo. Brahim El Bahri foi às redes, mas o bandeirinha Toko Malebo marcou impedimento. Caso vencesse, o time marroquino ficaria com o título da competição. No jogo de ida, houve empate por 1 a 1. O Étoile du Sahel levou a taça por ter marcado mais gols fora de casa.

Revoltados com a decisão da arbitragem, tanto os jogadores como membros da comissão técnica do FAR Rabat partiram para cima do juiz. Policiais entraram em ação e evitaram que Bennett fosse agredido. O jogo ficou interrompido durante cinco minutos. Segundo imagens da tevê, o bandeirinha acertou sua marcação.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo