Sem categoria

Ex-técnico revela racha no elenco marfinense

O ex-técnico da Costa do Marfim, o bósnio Vahid Halilhodzic, afirmou que as divisões internas no elenco prejudicam a evolução da equipe, que disputará a Copa do Mundo de 2010.

Halilhodzic, demitido após a derrota para a Argélia nas quartas de final da Copa Africana de Nações, em janeiro, não citou nomes, mas apontou a falta de união do grupo como um desafio a ser superado por seu sucessor, o sueco Sven-Goran Eriksson.

“Eu diria que o elenco tem grandes jogadores, mas não é um grande time”, declarou o bósnio ao jornal marfinense Le Patriote. “Alguns dos jogadores não querem atuar juntos. Meu trabalho era superar isso, garantir que tudo fosse bem. Acho que a derrota para a Argélia foi boa porque revelou essas divisões internas”.

A Costa do Marfim é apontada como possível surpresa no Mundial por ter jogadores como Didier Drogba, Emmanuel Eboué, Salomon Kalou, Kolo Touré e Yaya Touré, mas os resultados dessa geração têm decepcionado.

Halilhodzic acredita que poderia ter resolvido os problemas internos, mas não acredita que Eriksson tenha as mesmas chances: “Eu tinha três ou quatro meses para resolver o racha entre os jogadores e isso era possível. Um novo técnico não pode fazer isso, porque terá apenas vinte dias de preparação para a Copa do Mundo”.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo