Sem categoria

Com show de Rossi, Villarreal supera Leverkusen

Sem muitos sobressaltos, o Villarreal garantiu vaga nas quartas de final da Liga Europa ao derrotar o Bayer Leverkusen por 2 a 1 nesta quinta-feira, no Estádio El Madrigal, no jogo de volta das oitavas de final do torneio. Na ida, o Submarino Amarillo havia vencido o duelo por 3 a 2.

Em desvantagem no placar, o Bayer Leverkusen partiu para o ataque desde o início do jogo e antes dos 20 minutos já havia finalizado três vezes em direção ao gol com Rolfes, Renato Augusto e Derdiyok. A primeira grande chance da partida, porém, foi de Giuseppe Rossi, que recebeu lançamento e, cara a cara com Adler, finalizou cruzado rente à trave.

Pouco a pouco, o Submarino Amarillo passou a neutralizar as investidas do time alemão e controlar a partida até abrir o placar aos 32 minutos. Cazorla entrou em diagonal pelo meio, tabelou com Rossi e finalizou com categoria na saída de Adler. O gol desmotivou de vez o Leverkusen, que demorou a se reencontrar na partida e só assustou novamente aos 45 minutos, em cobrança de falta de Renato Augusto.

Na etapa final, o jogo seguiu no mesmo ritmo. O Villarreal apenas controlava, marcando forte e saindo nos contra-ataques. O Leverkusen, que precisava de três gols, assustava esporadicamente, geralmente em investidas de Renato Augusto. Numa delas, aos 12 minutos, o ex-flamenguista acertou outro belo chute de fora da área e Diego López fez belíssima defesa.

Quatro minutos depois, porém, veio o tiro de misericórdia do Submarino Amarillo. Hyypia errou passe na defesa, Rossi interceptou, tocou para Rubén, recebeu de volta e finalizou cruzado no canto direito de Adler.

O Leverkusen ainda descontou aos 37 minutos, com Gonzalo Rodríguez, contra, e esboçou uma pressão no finalzinho, mas em nenhum momento esteve perto de conseguir a vaga.

Ficha técnica

Villarreal 2 x 1 Bayer Leverkusen

Local: El Madrigal, em Villarreal (ESP)
Data: 17/03, quinta-feira
Árbitro: Bjorn Kuippers (HOL)
Gols: Cazorla, aos 32’/1T, Rossi, aos 16/2T (Villarreal); Gonzalo Rodríguez (contra), aos 37’/2T (Bayer Leverkusen)
Cartões amarelos: Gonzalo Rodríguez e Carlos Marchena (Villarreal) Stefan Reinartz, Michael Kadlec, Daniel Schwaab e Lars Bender (Bayer Leverkusen)

Villarreal

Diego López, Mario, Gonzalo Rodríguez, Matteo Musacchio e José Manuel Catalá; Carlos Marchena, Bruno, Borja Valero (Joan Capdevila) e Santiago Cazorla (Cani); Giuseppe Rossi (Nilmar) e Marco Rubén. Técnico: Juan Carlos Garrido.

Bayer Leverkusen

Rene Adler, Domagoj Vida (Daniel Schwaab), Sami Hyypia, Stefan Reinartz e Michael Kadlec; Simon Rolfes, Lars Bender, Gonzalo Castro (Sidney Sam) e Renato Augusto; Stefan Kiessling (Michael Ballack) e Eren Derdiyok. Técnico: Jupp Heynckes.
 

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo