Sem categoria

Cassano marca em estréia no Real

Nas duas partidas de ida das quartas-de-final da Copa do Rei, nesta quarta, o destaque ficou mesmo para a vitória do Real Madrid sobre o Betis. O árbitro roubou a cena na estréia de Cassano, autor do único da partida, com alguns erros graves. O Espanyol ficou perto da vaga na semifinal ao derrotar o Cádiz fora de casa por 2 a 0. Em jogo atrasado das oitavas, o Zaragoza eliminou o Atlético de Madrid e pega o Barcelona.

Antonio Cassano estreou com o pé direito no Real Madrid. O atacante italiano marcou o gol da vitória da equipe merengue sobre o Betis, em Sevilha. Porém, os béticos reclamaram demais da arbitragem. No lance do gol, houve falta em cima do goleiro Doblas, mas o juiz mandou o lance seguir.

O Real Madrid poupou alguns de seus titulares. Beckham e Zidane começaram no banco e Roberto Carlos nem foi relacionado. Cicinho atuou mais avançado pela direita, com Soldado no ataque ao lado de Robinho. Raúl Bravo quebrou o galho na lateral-esquerda. Com esta formação, o time sofreu com a pressão do Betis nos primeiros 20 minutos.

O árbitro González Vázquez deixou de marcar um pênalti quando Gravesen tocou com a mão na bola dentro da área. O juiz também anulou um gol de Júlio Baptista em jogada no mínimo duvidosa. O polêmico lance com Cassano ocorreu aos 19 minutos do segundo tempo. Dois minutos após entrar no lugar de Soldado, o atacante trombou com o goleiro e, como não foi marcada a falta, ele empurrou para as redes. O Real Madrid carrega a vantagem para a volta no Santiago Bernabéu.

O Espanyol ficou bem perto da semifinal ao derrotar o Cádiz por 2 a 0 como visitante. Os gols da vitória do time de Barcelona saíram apenas no segundo tempo. Pandiani abriu o placar aos cinco minutos. No finalzinho do confronto, Fredson ampliou a vantagem do Espanyol com um belo chute de canhota.

Em jogo atrasado das oitavas-de-final, o Zaragoza eliminou o Atlético de Madrid ao empatar por 2 a 2 e enfrentará o Barcelona na próxima fase. Jogando em casa, o time abriu 2 a 0 em menos de meia hora de jogo, com gols de Cani e Oscar. A equipe da capital reagiu ainda na primeira etapa, com Kezman.

Os Colchoneros se lançaram ao ataque na volta dos vestiários e conseguiram igualar, com Galletti. Pepe Murcia partiu para o desespero e deixou a equipe com apenas três defensores, na esperança de conseguir mais um gol. Porém, o empate persistiu. Como o Zaragoza havia vencido o jogo de ida por 1 a 0, ficou com a vaga.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo