Barcelona: A incógnita Rijkaard

por Airton Pimentel Júnior

Há quatro temporadas, o Barcelona apresentava um novo técnico, de pouca idade e experiência, porém muito astuto e um grande jogador pelo Milan e seleção holandesa. Entretanto, os blaugranas imaginaram que a escola holandesa iria imperar igualmente no clube e, por conseguinte, os resultados iriam ser os mesmos, ruins e incômodas temporadas. Assim sendo, pensaram errado.

Após todas essas temporadas onde o técnico teve grandes vitórias e conquistas, hoje é respeitado como um dos maiores técnicos da história do Barcelona e um dos mais vitoriosos, com seu bicampeonato espanhol, a Liga dos Campeões e fazendo com que um time de astros de “médio” talhe até então, tornassem-se amplos e com esplêndidas apresentações dentro de campo, rotulados como um time mágico, não se desviando da escola holandesa que o mesmo trazia para o clube.

Outra característica excelente de Franklin Edmund Rijkaard, observada por muitos, é a forma como sabe lidar com as jovens promessas do futebol mundial, sabendo os criar da melhor forma e coloca-los no ponto correto no grande cenário do futebol, vide Lionel Messi e Giovani dos Santos.

Contudo, após temporadas brilhantes, três na verdade, mesmo que na primeira nada tivesse vencido e estivesse em fase de transição e montando o time, os entraves chegaram a ele, muito por deslizes de sua parte – ele confessa isso. Ocasionaram em uma péssima temporada passada, quando seu grande prestígio teve enorme queda. O técnico, por inúmeros momentos, perdeu o controle da situação e não soube ter autoridade sobre seu elenco. É considerado por muitos, até mesmo por Joan Laporta, presidente do clube, como o principal culpado pela pífia temporada passada, em que ele mesmo concordou que teve vários erros.

Por fim, o que está acontecendo com Rijkaard? Será que seu ciclo no Barcelona está no fim? Muitas perguntas podem ser feitas, porém com toda a certeza ele terá que comprovar qualidade e fazer com que o clube obtenha títulos essa temporada, isso tudo para sua permanência. Seu futuro dentro do clube é uma incógnita. o mesmo que ele é hoje em dia. Seria transitável ao Barcelona trocar de comandante? Ou seria um dever fazer isso? Ainda resta essa temporada para tirarmos as dúvidas.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo