Onde assistir

Uruguai x Brasil: onde assistir, escalações e palpites. Clássico nas quartas de final

Confira onde assistir, escalações e palpites de Uruguai x Brasil pela Copa América 2024

Fechando as quartas de final da Copa América 2024, o clássico Uruguai x Brasil acontece neste sábado, 6 de julho. A partida está programada para às 22h (horário de Brasília) no Allegiant Stadium, em Paradise, Nevada. De um lado, o Uruguai confirmou as expectativas e liderou sua chave, enquanto o Brasil teve tropeços e terá o desfalque de Vini Jr. no ataque. Confira neste artigo preparado pela Trivela as principais informações pré-jogo, onde assistir e as melhores dica de aposta.

Uruguai x Brasil odds

Aposta Palpite Melhor odd
Finalizações Mais de 24,5 1,60 na Superbet
Escanteios Mais de 8,5 1,76 na Dafabet
Total de Gols Mais de 2,5 2,32 na F12.Bet
Total de Cartões Mais de 5,5 1,82 na Betano

Onde assistir Uruguai x Brasil

  • Jogo: Uruguai e Brasil, pela Copa América;
  • Grupo/Rodada: quartas de final (jogo único);
  • Dia/Horário: sábado, 6 de julho de 2024, às 22h (horário de Brasília);
  • Onde assistir: Globo (TV aberta), SporTV (TV fechada) e Globoplay (streaming).

Confira também onde assistir todos os jogos da Copa América, além de todos os jogos de hoje (6) pelo torneio de seleções.

Escalações de Uruguai x Brasil: Dorival busca substituto para Vini Jr.

Escalação do Uruguai

Provável escalação do Uruguai: Sergio Rochet; Nahitan Nández, Ronald Araújo, Mathías Olivera e Matías Viña; Manuel Ugarte e Federico Valverde; Facundo Pellistri, De la Cruz e Maximiliano Araújo; Darwin Núñez. Técnico: Marcelo Bielsa.

A seleção uruguaia tem simplesmente a melhor campanha da Copa América 2024 até aqui. Com três vitórias em três jogos, os uruguaios marcaram nove gols (média de três por jogo), e sofreram apenas um, do Panamá. Ainda que o favoritismo na chave tenha sido confirmado, o estilo ofensivo de Marcelo Bielsa comandar suas equipes parece ter casado muito bem com a talentosa geração que tem em mãos.

Escalação do Brasil

Provável escalação do Brasil: Alisson; Danilo, Marquinhos, Militão e Guilherme Arana; João Gomes, Bruno Guimarães e Paquetá; Raphinha, Endrick e Rodrygo. Técnico. Dorival Júnior.

O desempenho da seleção brasileira na primeira fase da Copa América 2024, durante os três primeiros jogos, foi inconsistente e, em geral, insatisfatório. Com um empate contra a Costa Rica, uma vitória sobre o Paraguai e outro empate com a Colômbia, ficou claro que o trabalho técnico ainda apresenta falhas e que precisa de mais treino e entrosamento.

Dorival sempre incentivou alta produtividade através da troca de passes no meio-campo para envolver o adversário, mas a equipe brasileira não está conseguindo essa dinâmica com seu meio-campo de Premier League. Ainda não está claro se a seleção está sendo menos ofensiva devido à orientação tática de Dorival ou se os movimentos ainda não foram automatizados e não estão funcionando como esperado.

Histórico de partidas entre Uruguai x Brasil: vantagem brasileira

Somando as principais competições e amistosos, Uruguai e Brasil se enfrentaram 79 vezes, e o Brasil levou a melhor em 38 ocasiões. Houve ainda 20 empates e outras 21 vitórias do Uruguai. Porém, no último confronto entre as seleções, vitória do Uruguai por 2 a 0 em novembro do ano passado, pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo, que quebrou um tabu de mais de 22 anos.

Estatísticas de Uruguai x Brasil

  • O Uruguai venceu todos os últimos quatro jogos;
  • O Brasil venceu apenas uma das últimas quatro partidas;
  • Em quatro dos últimos cinco jogos o Uruguai abriu o placar;
  • Em cinco das últimas seis partidas do Brasil ambos os times marcaram;
  • Todos os oito últimos jogos do Uruguai tiveram menos de 4,5 cartões;
  • Nove dos últimos dez jogos do Brasil tiveram menos de 10,5 escanteios;
  • Todas as últimas cinco partidas entre Uruguai e Brasil tiveram menos de 10,5 escanteios.

Palpites para Uruguai x Brasil: duelo decidido no meio-campo

Para o jogo ter mais de 8,5 chutes certos – 1,78

De um lado, o Uruguai é uma das equipes que mais finaliza a gol nesta Copa América (16,7 por partida), acertando sete vezes no alvo. Não pro acaso é o melhor ataque do torneio. Já o Brasil tenta 14,3 finalizações, acertando quatro vezes o alvo por partida. Logo, a nossa aposta inicial indica um jogo aberto, com chances para os dois lados e pelo menos nove chutes certos a gol.

Mais de 8,5 escanteios no total – 1,80

De maneira geral tanto o Uruguai quanto o Brasil vêm fazendo jogos com um número limitado de escanteios. Entretanto, nossa análise pré-jogo indica um duelo bastante aberto, a exemplo de Brasil e Colômbia. Pegando o recorte dos últimos dez jogos, mais da metade das partidas do Uruguai tiveram pelo menos oito cantos (56%), o que ocorreu em 80% das partidas do Brasil.

Mais de 1,5 cartões para os dois times – 1,50

Outro palpite que contrapõe os dados recentes. De fato o Uruguai na gestão Bielsa é uma equipe intensa fisicamente, mas que não abusa de faltas mais duras para tomar a bola (média de 1,2 amarelos nos últimos dez jogos), muito em parte devido ao seu meio-campo técnico. Mas a temperatura do clássico diante do Brasil pode tornar o jogo mais físico nas zonas centrais do campo. Já o Brasil tem uma média mais alta de 2,3 amarelos nos três jogos disputados.

Os melhores sites de apostas para apostar em Uruguai x Brasil

Casa de apostas
Bônus
Aposte agora

betano logo

Bônus de 100% até R$1000

Código promocional: TRVMAX

Aposte na Betano »

dafabet

Bônus de 100% até R$750

Aposte na Dafabet »

superbet logo

Bônus de 100% até R$500

Aposte na Superbet »

Stake Logo

Sorteios semanais de $75.000

Código promocional: TVMAX

Aposte na Stake »

novibet logo

Bônus de 100% até R$500

Código promocional: NOVIMAX

Aposte na Novibet »

Foto de Bruno Menezes

Bruno Menezes

Jornalista pela Fiam-Faam, onde atua como embaixador do curso e pesquisador na área de mídias sociais digitais. Acredita que o futebol é um microcosmo da sociedade que o rodeia. Cobriu a Copa do Mundo de 2022, além da cobertura dos principais clubes nacionais de futebol masculino e feminino, inloco e da redação, e dos casos Robinho e Daniel Alves. Já colaborou com Editora Abril (Guia do Estudante) e Portal UOL (Editoria de Esportes). Bidou no Trivela em 2023.
Botão Voltar ao topo