México

Em noite de brasileiros, só Grêmio vence

Na quarta-feira, em que quatro times brasileiros entraram em campo pela Copa Libertadores, o Grêmio foi o único a sair satisfeito, após vencer por 2 a 0 o Universidad de Chile, fora de casa. O Palmeiras e o Sport empataram em 1 a 1 no Palestra Itália, enquanto o São Paulo, que viajou até a Colômbia para enfrentar o Independiente de Medellín, volta para casa com uma derrota, por 2 a 1.

Com os resultados, o Grêmio garante a classificação para as oitavas-de-final, na liderança isolada do Grupo 7, com 13 pontos. Os chilenos, com sete pontos, na vice-liderança, disputam agora a segunda com o Boyacá Chicó-BOL, que segue em terceiro, com seis, mas ainda joga hoje contra o lanterna Aurora-COL, que não marcou nenhum ponto e já está eliminado.

Pelo Grupo 1, o Colo Colo-CHI está em primeiro, com sete pontos, o mesmo que o Sport, enquanto o Palmeiras e a LDU somam quatro, a duas rodadas do fim. No Grupo 4, o São Paulo, apesar da derrota, já garantiu a classificação, estando na liderança com 10 pontos, seguido pelo Independiente, com quatro. O Defensor Sporting-URU está em terceiro, também com quatro, e o América de Cáli tem apenas dois.

No Chile, sufoco, mas a vitória

Em Santiago, apesar de não ter jogado bem e não ter criado muitas chances, o Tricolor conseguiu salvar a vitória que lhe garantiu a vaga. Aos 31 minutos do primeiro tempo, Souza cobrou falta na área, que Jonas cabeceou, porém, a bola bateu na trave e, no rebote, Léo concluiu para as redes. Mas o nome da partida foi Victor, que salvou o resultado do Grêmio com belas e difíceis defesas das investidas dos donos da casa.

Após o intervalo, Máxi Lopez fez bela jogada, ao receber passe de Souza, que entrou na área, passou pelo goleiro, e completou: 2 a 0 para o Grêmio, e uma vaga nas oitavas.

No Brasil, apenas um empate

Após derrotar o Sport em Recife, o Palmeiras recebeu a equipe no Palestra, mas acabou tropeçando no adversário e ficando no 1 a 1. O primeiro gol do Verdão veio de pênalti equivocado. O juiz marcou mão de César, embora a bola tenha batido na barriga do jogador. Aos 14 minutos, Keirrison converteu para as redes, abrindo placar.

O Sport conseguiria igualar o marcador aos 45 do primeiro tempo, quando Wilson recebeu passe de Durval na pequena área, e chutou para o fundo das redes. O jogador foi expulso logo em seguida, por levantar a camisa na comemoração do gol. Apesar da desvantagem numérico, os recifenses seguraram o placar até o final.

Na Colômbia, primeira derrota

Sofrendo seu primeiro revés na Libertadores, o São Paulo, entrando em campo com vários reservas, teve um primeiro tempo ruim, tomando dois gols, e marcando um para diminuir. O Tricolor se recuperou no segundo, mas não foi suficiente para impedir a derrota.

O Independiente abriu o placar aos 15, quando Restrepo passou para Castillo, que recebeu sozinho na área e concluiu. Dez minutos depois, o mesmo Castillo recebeu toque de Arias e finalizou. A bola ainda bateu em Rodrigo antes de entrar.

Aos 39 do primeiro tempo, André Lima recebeu toque de Dagoberto e, de primeira, chutou forte, para diminuir para o São Paulo.

Veja os jogos de quarta-feira pela Libertadores:

Palmeiras 1×1 Sport (Grupo 1)
Independiente 2×1 São Paulo (Grupo 4)
U. De Chile 0x2 Grêmio (Grupo 7)

Clique aqui e confira classificação e tabela da Libertadores

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo