México

Após jejum de 14 anos, Atlante conquista título do Apertura

A mudança de ares parece ter feito muito bem para o Atlante. A equipe, que mudou sua sede da Cidade do México para Cancún em julho, conquistou neste domingo o título do torneio Apertura. O time ficou com a taça ao bater o Pumas por 2 a 1 no segundo jogo da decisão.

No primeiro confronto entre os dois clubes, houve um empate sem gols. Os Potros encerraram um jejum de 14 anos sem títulos. Antes do triunfo deste fim de semana, o Atlante havia conquistado dois títulos nacionais (1947 e 1993).

Em casa, o Atlante saiu na frente no segundo tempo. Giancarlo Maldonado, aos 14 minutos, livrou-se da marcação e tocou para as redes. Foi o 18° gol do atacante na competição. O Pumas igualou aos 24 com Ismael Íñiguez, de cabeça, após Esteban Solari acertar a trave.

A cinco minutos do final, os anfitriões chegaram à vitória com um golaço de Clemente Ovalle, que acertou um chute de longa distância. “Este é um grande momento para todos os torcedores do Atlante, que não festejavam há muito tempo. Esta é uma recompensa para o trabalho e a consistência do time”, afirmou José Guadelupe Cruz, treinador do clube de Cancún.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo