EuropaLa LigaPremier LeagueSerie A

As marcas negativas de Liverpool, Milan e Real

Os desempenhos de Liverpool, Milan e Real Madrid chamaram atenção neste sábado. Mas, ao contrário do que a história dos maiores vencedores da Liga dos Campeões possa indicar, este será um dia para os torcedores esquecerem. Afinal, além de tropeçarem, reds, rossoneri e merengues registraram alguns recordes nada honrosos na rodada.

– O Liverpool empatou com o Sunderland e permanece sem vencer na Premier League. Já são quatro rodadas em jejum, algo que não acontece desde a temporada 1911/12. O gol de Luis Suárez ao menos evitou o pior: se os Reds fossem derrotados, teriam o pior desempenho desde 1903/04, quando perderam as quatro primeiras partidas.

– O Milan também não teve o que comemorar, ao perder para a Atalanta em San Siro. Esta foi a segunda derrota consecutiva dos rossoneri em casa nesta temporada, igualando marca de 1930/31. E os resultados não são ruins apenas em campo: o clube vendeu 23.618 carnês de ingressos até o momento, menor quantidade desde 1986, quando Silvio Berlusconi assumiu a presidência.

– O Real Madrid, por sua vez, foi batido pelo Sevilla por 1 a 0. Pela primeira vez em sua história, os merengues foram derrotados em suas três primeiras partidas fora de casa da temporada. Já oito pontos atrás do Barcelona em La Liga, o clube jamais foi campeão espanhol recuperando uma desvantagem maior do que seis pontos.

Fontes: @2010MisterChip, @MilanDiavolo e @OptaPaolo

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo