Libertadores Feminina

Quais são as novidades que Conmebol divulgou para a Libertadores feminina?

Conmebol divulgou, nesta terça-feira (13), o calendário completo de 2024 e as sedes das competições continentais

A Conmebol divulgou, nesta terça-feira (13), o calendário completo de 2024 e as sedes das competições continentais, de todas as categorias masculinas e femininas, das três modalidades administradas pela Confederação Sul-Americana. Vale ressaltar que as datas da Libertadores, da Copa Sul-Americana e da Recopa já foram divulgadas no fim da temporada passada, uma vez que esses torneios fazem parte de uma tabela anual.

Em 2023, a entidade máxima do futebol latino iniciou o processo de expansão da modalidade em todo o continente com as ligas de evolução. Além disso, a Conmebol também realizou o seminário “F de Futebol Feminino”, em Cali, na Colômbia, palco da final do torneio entre Corinthians e Palmeiras. No evento, a instituição firmou um compromisso de voltar suas atenções para o futebol de mulheres nos próximos anos.

Conmebol confirma novo recorde bilionário em premiações

Após muito debate entre os membros do Conselho, finalmente a Conmebol voltou a injetar mais dinheiro para as premiações fora do circuito principal de Libertadores e Copa Sul-Americana.

Desde 2016, quando o presidente Alejandro Domínguez assumiu o cargo, o valor total de premiações entregue pela entidade quadruplicou. Está previsto para 2024 a distribuição de cerca de 312 milhões de dólares (R$ 1.5 bilhão na cotação atual) nas diversas competições. Esse valor não inclui a participação e os méritos esportivos da Copa América.

Em comunicado, Domínguez confirmou que o marco faz parte de uma nova política de gestão de recursos da Conmebol. Leia o trecho abaixo:

Esses números não são coincidência, pois há um trabalho financeiro bem articulado da CONMEBOL, aliado a planos e políticas de transparência e desenvolvimento que a organização vem avançando desde 2016, conforme prometido pelo presidente Dominguez, “a casa está em ordem”.

É importante destacar que os recursos, provenientes da implementação de novas políticas de gestão, foram diretamente para a própria base da CONMEBOL, que são as Associações que compõem a organização continental e dezenas de equipes profissionais.

Além dessas novas políticas de premiação, outras iniciativas importantes incluem o reconhecimento monetário dos campeões mundiais, o compromisso de melhorar a competitividade dos torneios locais, a introdução do mérito esportivo na CONMEBOL Libertadores e na CONMEBOL Sudamericana, o posicionamento da CONMEBOL Libertadores Feminina e da CONMEBOL Recopa, bem como o apoio às Associações Membro nas datas FIFA a serem disputadas em 2024.

Veja o calendário e sedes das competições Conmebol de 2024:

Libertadores Sub-20

Uruguai – 2 a 17 de março

Conmebol Sub-17 e Sub-20 
Sub-17 – Paraguai – 13 a 31 de março
Sub-20 – Equador – 11 de abril a 5 de maio

Libertadores de Futsal
Argentina – 19 a 20 de maio

Copa América
Estados Unidos – 20 de junho a 14 de julho

Libertadores Feminina de Futsal
Bolívia – 21 a 28 de julho

Conmebol Sub-17 de Futsal
Paraguai – 17 a 25 de agosto

Intercontinental Sub-20
Local a definir – 31 de agosto de 2024

Libertadores Feminina
Uruguai – 3 a 19 de outubro

Conmebol Sub-20 de Futsal Feminino
Paraguai – 26 de outubro a 3 de novembro

Conmebol Sub-20 de Futsal
Peru – 16 a 24 de novembro

Libertadores de Futebol de Praia
Equador – 1 a 8 de dezembro

Botão Voltar ao topo