Ligue 1

Mbappé ao ser perguntado se é possível que ele continue no PSG: “É claro que sim”

A principal estrela do ataque do PSG, Mbappé deu esperança aos torcedores ao dizer que a permanência é uma possibilidade

O fim de semana foi de uma grande vitória do PSG sobre o Lorient por 5 a 1, com direito às suas principais estrelas marcando gols: Neymar, Lionel Messi e Kylian Mbappé. O francês comentou sobre o desempenho do time após o jogo e ainda deu uma esperança à torcida parisiense que pode continuar no clube mesmo após o fim da atual temporada, quando acaba o seu contrato. O clube ainda tenta desesperadamente renovar o contrato do astro.

Perguntado sobre o seu futuro, Mbappé desconversou. “Ainda não decidi. Estou tranquilo, aproveito para tomar a melhor decisão porque não quero errar”, disse o jogador. “Há coisas a se considerar. Não é uma decisão fácil, estou tentando tomar a melhor possível com a minha família”. Perguntado diretamente se permanecer no PSG era uma opção, Mbappé respondeu com convicção: “É claro que sim”.

Há muitas especulações sobre o futuro de Mbappé e o Real Madrid já expressou o seu interesse em levar o atacante para o Santiago Bernabéu na próxima temporada para ser a sua grande estrela. O PSG, porém, acena com salários astronômicos para convencer o francês a permanecer, o que seria importante para manter um jogador local no clube.

O jogador foi perguntado se está na sua melhor forma desde que chegou ao PSG. “Estou em um grande momento, não sei se é o meu melhor. De qualquer forma, estou no espírito de ajudar o meu time a ter um bom desempenho. Nesta noite [domingo], consegui ajudar meus companheiros, era isso que queria”.

O PSG não vinha em boa fase desde que foi eliminado pelo Real Madrid na Champions League e na última rodada foi derrotado pelo Monaco fora de casa. Desta vez, viu o desempenho melhorar diante do Lorient, com direito a todas as suas estrelas marcando gols. Mbappé foi perguntado sobre o que melhorou.

“A pausa de jogos de seleções nos fez bem. Foi possível mudar de ares, ter outra atmosfera e isso fez bem para muitos jogadores. Para muitos, o clima estava muito pesado. Foi nossa culpa, é claro, mas ainda assim estava fechado. Voltamos com mais energia e mostramos isso. Foi menor um jogo dos senadores. Acho que vocês vieram que nos divertimos em campo. Espero que tenhamos causado algum divertimento também”, respondeu Mbappé.

O PSG lidera a Ligue 1 com sobras: são 68 pontos contra 56 do Olympique de Marseille, segundo colocado. A diferença é grande demais para ser tirada em apenas oito jogos, que é o que resta de campeonato. Ainda que seja possível em termos matemáticos, parece altamente improvável que isso possa acontecer. Ainda assim, a torcida do PSG ainda está insatisfeita pela forma como as coisas aconteceram na Champions League. No primeiro jogo após a eliminação, contra o Bordeaux, o time foi vaiado. Desta vez, ainda houve vaias, mas a intensidade foi menor.

“É normal, o público tem o direito de expressar a sua insatisfação. Hoje houve vaias, mas continuou sendo respeitoso. Os espectadores expressaram sua decepção, eles têm o direito. Eles estão decepcionados, nós também estamos. Mas contra o Bordeaux foi um 0pouco demais porque eles perseguiram alguns jogadores. Mas estamos todos no mesmo barco, todos nós erramos”, disse Mbappé.

Por fim, Mbappé foi perguntado por ser a primeira vez que ele, Messi e Neymar marcam gols no mesmo jogo. O atacante brincou na resposta: “E não será a última!”.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo