Europa

Real Madrid, Manchester United ou Arsenal: para onde vai uma das maiores promessas da Inglaterra?

Jarrad Branthwaite, de 21 anos, brilha na temporada pelo Everton e é monitorado por gigantes da Europa

Não é algo para muitos despertar o interesse de Real Madrid, Manchester United e Tottenham, segundo a imprensa inglesa, mas essa é a realidade do promissor zagueiro Jarrad Branthwaite, de 21 anos. Agora, com a publicação do portal inglês TBR Football que o Arsenal entrou na parada, o jovem jogador fica ainda mais em evidência, especialmente pela quantia que o Everton deve pedir aos clubes no próximo verão europeu, quando abre a janela de transferências: cerca de 75 milhões de libras, conforme publicou o site.

E há motivos para tanto “hype” e interesses de todos os cantos. Branthwaite é um raro zagueiro canhoto, de ótima saída de bola e que ainda pode jogar como lateral-esquerdo. Na atual temporada pelos Toffees soma 29 partidas, todas como titular e não foi substituído nenhuma vez. Marcou dois gols, justamente nos últimos quatro jogos, que deram preciosos dois pontos para o clube de Liverpool na luta contra o rebaixamento pela Premier League.

Em 23 rodadas do Campeonato Inglês, o zagueiro inglês possui interessantes estatísticas ofensivas. Todo jogo tem 51 ações com a bola, soma 80% de acerto nos passes e tem eficácia de dois lançamentos a cada 90 minutos. Seguro e limpo defensivamente, quando esteve em campo, o Everton passou sete jogos sem ser vazado e sofreu apenas 0.3 drible por partida.

O jovem passou toda a última temporada emprestado ao PSV, onde também teve boa participação em minutos, somando 37 jogos na Holanda. Em 2021, o Everton o emprestou por poucos meses ao Blackburn. A chegada de Branthwaite ao Goodison Park aconteceu em 2020, quando foi contratado por 1 milhão de euros junto ao Carlisle United, clube de sua cidade. Pela Seleção Inglesa passou pelas categorias sub-20 e 21 e não seria uma surpresa uma convocação para o time principal nos próximos meses.

O contato dele com o Everton vai até 2027, mas sua presença com a camisa azul de Liverpool não deve passar desta temporada.

Ídolo do Arsenal definiu Branthwaite como “monstro”

Nada melhor do que avaliar um zagueiro com a opinião de um atacante. Ainda mais sendo um histórico como Ian Wright, ídolo do Arsenal na década de 90. Ao podcast Wrighty's House, o ex-jogador descreveu Branthwaite como um “monstro” e elogiou as características do zagueiro dentro e fora de campo.

– Gostaria de dar flores a Jarrad Branthwaite. Acredito que agora ele estará na próxima seleção da Inglaterra. Ele tem tudo. Você observa como ele joga, lateral esquerdo também, ele joga bem. Muito valente. E então, quando você ouve a entrevista dele, ele parece alguém que diz sim, estou aí, estou aqui.

Wright defende que o jovem seja convocado para Seleção Inglesa pelo técnico Gareth Southgate.

– Ele deveria ser convocado. E não só isso, ele deveria jogar. Vamos dar uma olhada nele. Estou lhe dizendo que temos um monstro em nossas mãos no lado esquerdo da zaga. Um monstro. – completou.

Vale citar que a Inglaterra joga a Eurocopa 2024 entre junho e julho desse ano, na Alemanha. Pela proximidade da competição, é improvável que Branthwaite seja convocado pela primeira vez para o selecionado principal, mas não será nenhuma surpresa que ele ganhe a vaga ao longo do ciclo para a Copa do Mundo de 2026, ainda mais pelas poucas opções do país para a dupla de zaga.

Foto de Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius é nascido e criado em São Paulo e jornalista formado pela Universidade Paulista (UNIP). Escreveu sobre futebol nacional e internacional no Yahoo e na Premier League Brasil, além de eSports no The Clutch. Além disso, atuou como assessor de imprensa no setor público e privado.
Botão Voltar ao topo