Europa

O Club Brugge conquistou a Copa da Bélgica do melhor jeito: golaço aos 47 do segundo tempo

O Club Brugge atravessa uma temporada dos sonhos para qualquer torcedor. A equipe terminou a temporada regular na liderança do Campeonato Belga, favorita no hexagonal decisivo. Além disso, se classificou para as quartas de final da Liga Europa e tem força suficiente para sonhar com as semifinais, diante do Dnipro. E o primeiro troféu para o clube se materializou neste domingo, na final da Copa da Bélgica. O Brugge derrotou o Anderlecht por 2 a 1 dentro de Bruxelas, em um jogo cheio de emoções.

VEJA TAMBÉM: Antes de abraçar a morte, ele queria ver o Brugge pela última vez e teve um dia inesquecível

O triunfo do Club Brugge começou a ser construído aos 12 minutos da decisão. Tom de Sutter apareceu para abrir o placar à equipe treinada pelo lendário Michel Preud’homme. O problema é que o Anderlecht lutou pelo empate até os 44 minutos do segundo tempo, com Aleksandr Mitrovic decretando a igualdade. Prorrogação a vista? Nada disso. Lior Refaelov tirou o coelho da cartola e acertou um chutaço de fora da área aos 47, dando o título ao Club Brugge. Pintura que destaca a boa fase do atacante israelense, autor de seis gols em sete partidas pela Liga Europa.

Ao longo dos últimos times, o Club Brugge vem provando que possui um ótimo time, especialmente do meio para frente. Refaelov, Timmy Simons, Tom de Sutter, Felipe Gedoz e Víctor Vázquez são ótimas opções a Preud’homme. E, com os resultados acontecendo, dá para esperar um final de temporada ainda mais brilhante aos torcedores. Para, quem sabe, reviver uma final europeia, algo que não acontece desde a decisão da Champions de 1978.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo