Europa

Jogo de comadres causa vergonha e até demissão no futebol belga

Empate entre Westerlo e Racing Genk foi bom para ambos os times na liga belga, mas gerou multas e até demissão de técnico

O que parecia um alívio, acabou se tornando angústia, preocupação e suspeita de irregularidades para dois clubes belgas. Uma partida da Jupiler Pro League, o campeonato belga da primeira divisão, está dando o que falar no país, por indícios de um ‘jogo de comadres' intencional.

No último dia 17, Westerlo e Racing Genk empataram por 1 a 1, um resultado que foi benéfico para ambos os times na última rodada da primeira fase do torneio. Jogando em casa, o Westerlo precisava de apenas um ponto para se livrar dos playoffs de rebaixamento e garantir uma vaga para disputar uma vaga para a Conference League. Enquanto o Genk, também precisava de somente um ponto na partida, mas para assegurar a sexta posição e sua vaga na rodada final, em que seis clubes disputam o título e vagas para a Champions League e Liga Europa.

O jogo caminhava para um empate sem gols até Ravil Tagir abriu o placar para o Westerlo aos 35 minutos da etapa final. Mas o Genk empatou com Bryan Heynen, aos 41 minutos. Com um a mais e jogando diante de sua torcida, esperava-se que os jogadores do Westerlo aproveitassem a vantagem de jogar com um homem a mais. Porém, os atletas optaram apenas por manter a posse de bola sem atacar o time adversário.

No fim do jogo, é possível não só ver atletas tocando a bola sem objetivo, como um jogador se aquecendo, além de risadas de Wouter Vrancken, técnico do Genk, e do próprio árbitro da partida. Ainda antes do apito final, jogadores de ambos os times já se cumprimentavam de forma bastante amigável.

Se no campo o resultado foi bom para ambos os times, fora dele vieram diversas consequências para praticamente todos os envolvidos na partida. O Ministério Público da União Belga de Futebol (URBSFA) chamou a partida de ‘farsa de justiça' e tomou atitudes contra os responsáveis.

Diversas punições e valores diferentes

Os treinadores Rik de Mil (Westerlo) e Wouter Vrancken (Genk) podem ser suspensos por até dois jogos, e também receberem uma multa de 2.500 euros. Os jogadores Nicolas Madsen, do Westerlo, e Joris Kayembe, do Genk, foram condenados a dois jogos de suspensão e a uma multa de 2.000 euros por, mesmo sendo adversários, tocarem a bola um para o outro com o jogo rolando, próximo à meta do time visitante.

Além disso, ambos os clubes foram condenados pela URBSFA a pagarem 10 mil euros e os outros 20 jogadores que participaram do encontro receberão uma multa de 1 mil euros (fora Madsen e Kayembe). Tanto os clubes, como os técnicos e jogadores podem simplesmente aceitar as punições. Caso se recusem, o processo será enviado para a comissão disciplinar da federação local, e as punições podem serem maiores.

Técnico é demitido

Mas para um dos envolvidos, a punição foi ainda mais grave. O treinador Rik de Mil foi demitido do Westerlo após a partida. Por meio de nota oficial, o clube explicou os motivos da decisão.

– O clube rescindiu o contrato com o técnico Rik De Mil com efeito imediato. Apesar de considerarmos uma colaboração de longo prazo, achamos necessário tomar esta decisão. O clube lamenta ter de tomar esta medida, mas não pode aceitar que os seus valores e normas sejam questionados. Agradecemos ao Rik pelo seu desempenho e dedicação e desejamos-lhe todo o sucesso no futuro.

Qual a situação do Campeonato Belga?

Porém, Rik de Mil vai disputar os playoffs do rebaixamento de qualquer maneira. Pouco depois da demissão do Westerlo, ele foi contratado pelo Charleroi, time que ficou em 13 lugar na primeira fase. Nos playoffs, quatro times disputam uma vaga para se livrarem da degola. O antepenúltimo disputa outro playoff contra um time da segunda divisão, enquanto os dois últimos colocados são rebaixados.

Sem nenhuma demissão, o Racing Genk está focado no título a partir de agora. Tanto a equipe quanto Cercle Brugge, Club Brugge, Royal Antwerp, Anderlecht e Union Saint-Gilloise se enfrentam entre si na chamada rodada final, em formato também de pontos corridos. O primeiro colocado será o campeão belga e está automaticamente na fase de grupos da próxima Champions League, enquanto o vice-campeão disputa outra vaga via playoffs da Champions. Já o terceiro colocado irá para a Liga Europa, mas também terá de disputar via playoffs uma vaga na fase de grupos.

Foto de Vanderson Pimentel

Vanderson Pimentel

Jornalista formado em 2013, e apaixonado por futebol desde a infância. Em redações, também passou por Estadão e UOL.
Botão Voltar ao topo