Europa

Grupo F: Barcelona sobra, mas PSG vem logo atrás

Barcelona
Barcelona
Paris Saint-Germain
Paris Saint-Germain
Ajax
Ajax
Apoel
Apoel
O cenário esperado

É um grupo com relações de forças muito claras. O Barcelona fica à frente de todos, com o Paris Saint-Germain vindo logo atrás. O Ajax, a despeito de toda a sua tradição, não tem a mesma força dos dois, mas não deve ser ameaçado pelo Apoel.

O cenário possível

O Ajax estreia com vitória sobre o PSG em Amsterdã, depois bate o Apoel em Nicósia e arranca ponto do Barcelona na quarta rodada, quando jogará em casa. Assim, pode jogar pressão em cima do time parisiense na quinta rodada, conseguindo um empate que deixaria a equipe holandesa com a segunda posição da chave.

Jogador-chave
Ibrahimovic é a estrela do PSG (AP Photo/Michel Euler)
Ibrahimovic é a estrela do PSG (AP Photo/Michel Euler)

Zlatan Ibrahimovic

O Paris Saint-Germain tem investimento e elenco para estar no topo da Europa, e parece faltar algo para escalar esse último degrau. Parte disso recai sobre Ibrahimovic. O craque sueco deita e rola no Campeonato Francês, mas continua com sua dificuldade crônica em ser realmente convincente na Champions League. Se ele assumir a responsabilidade e decidir os grandes jogos, o PSG pode até pensar em voos mais altos do que as quartas de final das duas últimas temporadas.

Fique de olho
Riise é reforço do Apoel para a temporada
Riise é reforço do Apoel para a temporada

Bom retrospecto do Apoel

O Apoel vem de resultados convincentes nas fases preliminares da Champions, com empates fora de casa e vitórias em casa contra o finlandês HJK e o dinamarquês AaB. Pelo currículo contra os nórdicos, as chances cipriotas melhorariam se o grupo tivesse Malmö (SUE), Kobenhavn (DIN), Stromgodset (NOR), HB (FAR) ou KR (ISL), mas dá para sonhar em uma zebra em cima do Ajax. O Apoel ainda tem vários jogadores da equipe que surpreendeu a Europa há três anos, quando chegou às quartas de final deixando Porto, Zenit e Lyon para trás. Ah, e ainda contratou o veterano Riise.

O brasileiro
David Luiz, em sua apresentação no PSG
David Luiz, em sua apresentação no PSG

David Luiz se tornou o zagueiro mais caro do mundo pouco antes da Copa, e acabou sendo uma figura muito polarizadora no Mundial. Foi líder e heroi nas oitavas e quartas de final, mas foi um dos destaques negativos nas derrotas do Brasil para Alemanha e Holanda. No PSG, terá a companhia de Thiago Silva e Marquinhos, dois zagueiros com os quais divide espaço na seleção brasileira, e tentará provar que vale o dinheiro que o clube francês pagou para tirá-lo do Chelsea.

A contratação
Suárez, em suas primeiras ações pelo Barcelona (AP Photo/Emilio Morenatti)
Suárez, em suas primeiras ações pelo Barcelona (AP Photo/Emilio Morenatti)

Luis Suárez, pelo Barcelona

A compra de Luis Suárez fez muito barulho pelas circunstâncias (com o jogador suspenso por morder Chiellini durante a Copa) e pelo que ela representa ao Barcelona. Quando o uruguaio entrar, o time terá de realmente criar uma variante mais aguda e com mais jogadas individuais para seu jogo de toque de bola. O ataque Cone Sul, com Neymar e Messi, pode se tornar um dos mais técnicos e talentosos do mundo. Vai ser interessante acompanhar isso.

Veja outros grupos do guia da Champions League

Mostrar mais

Ubiratan Leal

Ubiratan Leal formou-se em jornalismo na PUC-SP. Está na Trivela desde 2005, passando por reportagem e edição em site e revista, pelas colunas de América Latina, Espanha, Brasil e Inglaterra. Atualmente, comenta futebol e beisebol na ESPN e é comandante-em-chefe do site Balipodo.com.br. Cria teorias complexas para tudo (até como ajeitar a feijoada no prato) é mais que lazer, é quase obsessão. Azar dos outros, que precisam aguentar e, agora, dos leitores da Trivela, que terão de lê-las.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo