Eurocopa

Bravo, Islândia! “Mentalidade pequena” faz história e vai ao mata-mata contra a Inglatrerra

A Eurocopa já é histórica para a Islândia. A vitória no último minuto contra a Áustria não só classificou o time, como ainda coloca os islandeses em segundo lugar no grupo. Um gol no final, já no desespero, loucura total. Um contra-ataque, com o jogo empatado por 1 a 1, e vitória sofrida, chorada e histórica. Foi 2 a 1 no placar, mas nas arquibancadas os islandeses já estão goleando faz tempo. É histórico não só por ser a primeira vitória, mas por significar a classificação. Os islandeses vão ao mata-mata e terão a Inglaterra como adversária.

LEIA TAMBÉM: Antes de menosprezar a Islândia, Cristiano, relembre suas origens na Ilha da Madeira

Ah, o detalhe é que ficaram em segundo lugar no Grupo F, à frente de Portugal, de Cristiano Ronaldo. O astro disse, após a primeira rodada, que os islandeses comemoravam “como se tivessem ganhado uma Eurocopa”. Bom, não ganharam, mas terminaram à frente dos portugueses. Mas os lusos não irão nem reclamar: vão enfrentar a Croácia, que é um adversário muito duro, mas terão pela frente, se passarem, uma chave muito mais tranquila.

No jogo, o primeiro tempo teve a Islândia muito mais presente no ataque. Desde o começo, os islandeses passaram a atacar como não tinham feito nos outros dois jogos desta Eurocopa. Dominaram o jogo ofensivamente e, aos 18 minutos, abriram o placar. Gunnarson cobrou lateral na área, Bodvarsson dominou, girou e marcou.

Os torcedores faziam festa e a Islândia continuou bem no primeiro tempo todo. Até que a Áustria teve a chance do empate. Skulason deslocou Alaba e o árbitro marcou o pênalti. Na cobrança, Dragovic chutou na trave e desperdiçou.

No segundo tempo, porém, foi hora da Áustria, que estava sendo eliminada, partir para dominar o jogo. Passou a jogar no campo de ataque, jogando os islandeses para suas trincheiras. Tinha mais posse de bola e começou a rondar perigosamente a área. Não demorou muito a ter resultado.

Aos 15 minutos, veio o gol de empate. Schöpf, que entrou no intervalo no lugar de Prödl, recebeu a bola na entrada da área, fez lindo drible e finalizou cruzado, de pé esquerdo. A bola entrou rasteira no canto do goleiro Halldorsson.

Por alguns minutos, a Áustria seguiu dominando a posse de bola e o jogo. Aos poucos, porém, a Islândia passou a atacar também. Eram poucos ataques, mas perigosos, especialmente com bolas na área e com laterais jogados por Gunnarson na área. O jogo esfriou e a Áustria não conseguir manter o ritmo, nem pressionar.

No final, a Áustria foi com tudo para cima. E por isso mesmo, em um rebote de escanteio, a Islândia aproveitou para marcar. Elmar Bjarnason  correu pela direita e tocou para o meio, onde Traustason completou para marcar 2 a 1. Gol da vitória. A primeira em uma Eurocopa. A da classificação.

O confronto com a Inglaterra será no dia 27 de junho, segunda-feira, em Nice. E promete. Os 8% de moradores da Islândia que estão na França certamente estarão lá para comemorar, independente do que o time fizer em campo. O feito já é histórico. E quem poderá duvidar do que mais esse tipo de vikings será capaz de fazer?

Islândia 2×1 Áustria

Islândia: Halldorsson, Saevarsson, Arnason, R. Sigurdsson e Skulason; Gudmundsson, Gunnarsson, G. Sigurdsson e B. Bjarnason; Bodvarsson (E. Bjarnason) e Sigthorsson (Traustason). Técnico: Lars Lagerback

Áustria: Almer; Dragovic, Prödl (Schöp), Hinteregger e Fuchs; Klein, Ilsanker (Janko), Baumgartlinger e Arnautovic; Alaba; Sabitzer (Jantscher). Técnico: Marcel Koller

OS GOLS:

A CELEBRAÇÃO DE JOGADORES COM A TORCIDA:

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Bloqueador de anúncios? Aí é falta desleal =/

A Trivela é um site independente, que precisa das receitas dos anúncios. Desligue o seu bloqueador para podermos continuar oferecendo conteúdo de qualidade de graça e mantendo nossas receitas. Considere também nos apoiar pelo link "Apoie" no menu superior. Muito obrigado!