EuropaLiga Europa

Espanhóis dominam e Villarreal e Sevilla saem em vantagem na Liga Europa

A Espanha saiu em boa vantagem nos jogos de ida das semifinais da Liga Europa. O Villarreal arrancou uma vitória sofrida nos acréscimos contra o Liverpool, enquanto o Sevilla, na Ucrânia, conseguiu empatar com o perigoso Shakhtar Donetsk. E mais uma vez, os espanhóis dominam as competições europeias, assim como já faz na Champions League também, com dois semifinalistas que conseguiram bons resultados no jogo de ida.

LEIA TAMBÉM: Em meio à guerra, Srna conta como o Shakhtar sobrevive e está a um passo da final da Liga Europa

Tomar um gol no último minuto é uma daquelas sensações de partir o coração do torcedor. O Liverpool esteve do lado vencedor nas quartas de final, mas no primeiro jogo das semifinais da Liga Europa, sofreu do outro lado. Foi um jogo menos interessante do que se esperava, mas no fim o Submarino Amarelo leva para Anfield uma vantagem de um gol.

Curiosamente, quem foi melhor foi o Liverpool. Criou um pouco mais de chances, só que não soube aproveitar. No final, em um belo lançamento de Bruno Soriano, Denis Suárez, um dos melhores em campo, recebeu, passou por Kolo Touré na velocidade e tocou para Adrián López marcar, aos 47 minutos do segundo tempo.

As chances também não foram tão claras e o Liverpool, a bem da verdade, parecia negociar com o empate a maior parte do segundo tempo. Claro que preferia vencer, mas pareceu estar satisfeito com o empate. Agora, terá que jogar de forma muito mais intensa no jogo de volta para vencer o jogo.

Sevilla empatouc om o Shakhtar com gol de Gameiro (AP Photo/Efrem Lukatsky)
Sevilla empatouc om o Shakhtar com gol de Gameiro (AP Photo/Efrem Lukatsky)

O Sevilla, por sua vez, soube administrar muito bem a situação na Ucrânia. Contra o Shakhtar, sofreu, mas arrancou um empate por 2 a 2 em Lviv. Saiu em vantagem logo a seis minutos, graças a um gol de Vitolo. Só que o Shakhtar mostrou força ainda no primeiro tempo. Empatou com um gol de Marlos, aos 23 minutos, e virou em um gol de Stepanenko, aos 36.

A situação que parecia favorável ao time ucraniano no segundo tempo acabou não se concretizando. O que se viu, ao contrário, foi o Sevilla controlar o jogo mais como quis do que deixar o Shakhtar fazer o que queria. Mesmo assim, os ucranianos conseguiam a vitória até os 37 minutos da etapa final. Foi quando Vitolo caiu na área, depois de um toque que aconteceu, mas não se sabe se suficiente para derrubá-lo. O árbitro apontou a marca da cal. Gameiro não desperdiçou: 2 a 2.

Um resultado bom para o Sevilla, que agora pode empatar por 0 a 0 ou 1 a 1 ou mesmo de uma vitória por qualquer placar para se classificar. O Shakhtar terá que vencer o jogo na Andaluzia ou então empatar por três ou mais gols, um pouco mais improvável. Os dois jogos serão na próxima quinta, dia 5 de maio.

Os dois espanhóis saíram em vantagem e podem até fazer uma final doméstica. Situação que pode se repetir também na Champions League, caso Atlético de Madrid e Real Madrid consigam a classificação para a final.

O gol do Sevilla contra o Liverpool:

Os gols de Shakhtar x Sevilla:

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo