Europa

A reivindicação de Bale

O Comitê Olímpico Internacional divulgou nesta semana o calendário dos Jogos de 2012. Os estádios Hampden Park, em Glasgow (Escócia), e Millennium, em Cardiff (País de Gales), abrigarão algumas partidas de futebol. Atuar em Olimpíadas não é uma meta de todos os atleta. Mas alguns sonham com isso. Tanto que, por causa do desejo de disputar a maior competição esportiva mundial, um jogador está ameaçando entrar na justiça.

A situação é a seguinte: como Londres é a sede das Olimpíadas de 2012, o Reino Unido é obrigado a disputar todas as modalidades. A polêmica está por conta da seleção da Grã-Bretanha que irá representar o futebol. O principal nome que reivindica estar na lista é o galês Gareth Bale. O meio-campista do Tottenham vem afirmando o desejo de representar o Reino Unido nos Jogos.

O acordo entre as federações inglesa, galesa, escocesa e norte-irlandesa é que a FA da Inglaterra seja a responsável por convocar os jogadores. Bale teme não conseguir a liberação da associação galesa de futebol para jogar pelo Reino Unido nas Olimpíadas.

O presidente do Comitê Olímpico Britânico (BOA), Colin Moynihan, afirmou que o jogador tem o direito de reivindicar uma vaga no elenco que irá para os Jogos. “Se Gareth Bale estiver disponível para a seleção, e se a federação inglesa determinar que ele é melhor para o time, então ele será selecionado. É o que espero”, disse.

“Se a federação galesa tomar medidas contra um jogador, então ele irá à corte, por assuntos de discriminação. Se os jogadores sentirem que estão sendo excluídos por qualquer razão além de mérito, eles poderiam desafiar esta decisão”, afirmou Moynihan.

As Olímpiadas talvez seja o único torneio de seleções que Bale terá a chance de atuar, já que País de Gales não costuma disputar competições internacionais. Os Dragons só participaram da Copa do Mundo de 1958 e nunca se classificaram para a Eurocopa.

“Veja, eu sou galês e todos sabemos que País de Gales não se classifica sempre [para os grandes torneios]. Adoraria jogar as Olimpíadas, especialmente sendo parte do time da Grã-Bretanha”, disse Bale, que completará 22 anos em 16 de julho. “Sinto que as Olimpíadas seria uma ótima oportunidade para um jovem jogador como eu de disputar um grande torneio.”

Sem dúvida, a presença de Gareth Bale tornaria o Reino Unido ainda mais competitivo. O meio-campista seria um candidato a ser um dos destaques das Olimpíadas. Caso Bale consiga a liberação da federação galesa, quem sabe outros não ingleses também sejam convocados. País de Gales ainda poderia contribuir com Aaron Ramsey e a Escócia com Danny Wilson, do Liverpool. Como os jogadores que estarão nas Olimpíadas de 2012 defenderão a bandeira do Reino Unido, nada mais justo que atletas de País de Gales, Escócia e Irlanda do Norte também estejam presentes no elenco.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo