Estados UnidosMLS

Dempsey pergunta sobre Dempsey nas ruas de Nova York e ninguém o reconhece

Com a febre do futebol nos Estados Unidos, os próprios americanos estão testando o alcance do esporte na sociedade. Um bom parâmetro é o corpo a corpo, quando um jogador sai às ruas e precisa ficar toda hora parando para dar autógrafos e tirar fotos. Por enquanto, esse não parece ser um problema que os craques da Major League Soccer precisam enfrentar, pois nem o rosto do capitão da seleção nacional é reconhecido. E isso por pessoas que dizem gostar do tal do “soccer”.

LEIA MAIS: Dempsey mandou um rap na festa de lançamento do Fifa 15 nos Estados Unidos

Clint Dempsey, do Seattle Sounders, foi às ruas de Nova York, onde estava para o lançamento do Fifa 15, perguntar às pessoas o que eles achavam do futebol, da participação dos Estados Unidos na Copa do Mundo e da atuação do capitão do time, que por acaso é ele mesmo.

À frente das câmeras, ninguém quer parecer mal informado. Um dos entrevistados disse que o capitão do time foi muito bem na Copa do Mundo, mas não o reconheceu a menos de um metro de distância. Outro achava que a braçadeira ainda era de Landon Donovan, e um terceiro torcedor não se tocou nem quando Dempsey se despediu se apresentando como “Clint”. Vale a pena ver:

Você também pode se interessar por:

>>>> O novo escudo da MLS ficou ruim, mas a explicação consegue ser pior

>>>> Obama pagou a aposta da Copa mandando cervejas ao premiê da Bélgica

>>>> Jogador do New England comemorou gol com um tiro de mosquete

>>>> Calendário não respeita data Fifa e prejudica o técnico da seleção. Brasil? Não, EUA

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo