Espanha

‘Foi excelente’: Xavi finalmente elogia Vitor Roque no Barcelona

Com cautela (até demais), Xavi parece estar gostando do início de Vitor Roque no Barcelona - que pode ganhar e muito com o brasileiro

Há pouco mais de dois meses na Europa, Vitor Roque ainda não conseguiu provar todo seu potencial no Barcelona. Contratado por € 30 milhões (cerca de R$ 163,5 milhões na cotação atual) fixos, além de € 31 milhões (em torno de R$ 168,9 milhões) em variáveis, o atacante está sendo tratado com cuidado pelo Barça. E Xavi Hernández elogiou finalmente a atuação do brasileiro.

Na vitória do Barcelona sobre o Mallorca por 1 a 0, na última sexta-feira (8), no Estádio Olímpico Lluís Companys, pela 28ª rodada de La Liga, Vitor Roque saiu do banco de reservas aos 17 minutos do 2º tempo. Em campo, o centroavante jogou na ponta-esquerda, mas, mesmo assim, fez uma boa atuação, acertando todos seus oito passes, sofrendo duas faltas e mostrando coragem. Tudo o que o técnico espanhol que ver na joia dos Blaugranas:

“Jogou meia hora e esteve muito bem. Foi excelente. Destacou-se nos duelos, ganhando a posse de bola”.

Não à toa, Vitor Roque foi aplaudido pelos torcedores do Barcelona e pela comissão técnica de Xavi. Ele até mesmo arriscou uma finalização, mas não balançou as redes. O atacante dos Culés também provou que pode ser uma dor de cabeça à defesa rival, gerando o cartão amarelo de Samu. Lentamente, o treinador espanhol demonstra estar confiando no brasileiro, que ainda busca seu espaço.

Como Vitor Roque criou grande expectativa na torcida do Barcelona, Xavi Hernández decidiu tratá-lo com cautela, sem lançá-lo entre os titulares para resolver a parada no ataque. Muito pelo contrário. O técnico do Barcelona utiliza o centroavante gradualmente, porém, dificilmente colocando-o em sua posição de origem. O brasileiro, por sua vez, quer provar que pode ajudar (e muito) o Barça.

Barcelona pode ganhar com Vitor Roque em campo

Ao todo, Vitor Roque tem 226 minutos com a camisa do Barcelona divididos em 10 jogos, oito de La Liga e dois de Copa do Rei. Ou seja, o atacante tem uma média de pouco mais de 22 minutos por partida nos Blaugranas. E muito disso é devido a Xavi. Em coletiva após as primeiras oportunidades do brasileiro, o treinador espanhol explicou que ele está passando por um planejamento especial na Espanha.

Ao chegar na Catalunha, Vitor Roque passou por um período de treinamentos no Barcelona para recuperar seu condicionamento físico, já que sofreu uma lesão no Athletico Paranaense antes da transferência. Mais do que isso, o centroavante aproveitou as atividades para ganhar entrosamento com o restante dos companheiros de Culés. Soma-se tudo isso à adaptação ao novo continente, já que o brasileiro ainda é muito jovem (19 anos).

Ou seja, Xavi Hernández não quer queimar Vitor Roque. Contudo, esse tratamento não pode servir de desculpa para o técnico dar poucas oportunidades ao atacante. Até aqui, o brasileiro foi titular em apenas uma partida no Barcelona (contra o Cádiz). Em todas as outras partidas, ele saiu do banco de reservas. O próprio exemplo contra o Mallorca exemplifica bem a falta de chances.

O espanhol decidiu dar um descanso para Robert Lewandowski, até porque o Barça tem uma decisão contra o Napoli na Champions League nesta semana. Então, Vitor Roque poderia finalmente ser titular em sua função no comando de ataque, certo? Bem, Xavi decidiu colocar o jovem Marc Guiu, de 18 anos, ao lado de Lamine Yamal e João Félix.

O centroavante brasileiro já tem dois gols pelo Barcelona. Agora, resta saber se o técnico vai dar seu voto de confiança para Vitor Roque engrenar uma sequência para explorar todo seu potencial. A ver cenas dos próximos capítulos.

Foto de Matheus Cristianini

Matheus Cristianini

Formado em Jornalismo pela Unesp, é apaixonado por esportes, acima de tudo futebol. Ama escrever sobre o que acontece dentro e fora de campo. Após passar por Antenados no Futebol, Bolavip Brasil, Minha Torcida e Esportelândia, se juntou à equipe da Trivela com muita vontade de continuar crescendo.
Botão Voltar ao topo