Eliminatórias da Copa

Odegaard foi escolhido como capitão de uma seleção norueguesa cada vez mais badalada

Martin Odegaard ainda é jovem, com 22 anos, e tenta se estabelecer no alto nível, mas ganhou uma grande responsabilidade: foi escolhido novo capitão da seleção norueguesa. O anúncio foi feito pelo técnico Stale Solbakken nesta sexta-feira, quando anunciou os convocados para a próxima data Fifa. O meia, emprestado pelo Real Madrid ao Arsenal, irá liderar uma geração que é bastante badalada do seu país, com nomes como Erling Haaland, do Borussia Dortmund, Jens Petter Hauge, do Milan, e Sander Berge, do Sheffield United.

“Ele foi escolhido por mim depois de uma análise com a comissão técnica”, afirmou Solbakken sobre a escolha de Odegaard como capitão. “Martin já teve muita experiência no mais alto nível do futebol internacional. Ele já mostrou habilidade para ser um jogador para o time dentro e fora de campo. Ele tem que se sentir livre em campo e fazer o que for melhor lá. Ele é um cara muito sólido e muito querido”, continuou o treinador. “Eu acho que Martin pode ser um grande capitão para a Noruega por muitos anos”.

“Alguns jogadores crescem para ser capitães, enquanto outros sentem o peso. Martin vê como uma grande honra. Ele está ansioso, assim como os outros jogadores, para levar a Noruega à frente”, explicou Solbakken. “Martin pode jogar como segundo atacante ou mais livre pela direita. Eu acho que ele pode jogar como meio-campista central porque ele tem grande capacidade de correr, tem um bom passe e um grande entendimento de futebol”.

Emprestado pelo Real Madrid ao Arsenal, Odegaard tem tentado encontrar o seu lugar no futebol de alto nível. Na temporada passada, 2019/20, ele brilhou pela Real Sociedad, que queria mantê-lo. O Real Madrid quis trazer o norueguês de volta, mas o técnico Zinedine Zidane o usou pouco. Aos poucos, Odegaard tem ganhado mais minutos e nesta quinta-feira marcou um golaço na vitória do Arsenal na Liga Europa.

Com 22 anos, Odegaard tem 25 jogos pela seleção norueguesa, que não conseguiu vaga na Eurocopa 2020 (que está programada para ser jogada em junho e julho deste ano, depois do adiamento por causa da pandemia de COVID-19). A equipe perdeu a repescagem para a Sérvia. O foco agora é chegar à Copa do Mundo de 2022 e, para isso, a equipe está no Grupo G das Eliminatórias da Copa na Europa, com Países Baixos, Turquia, Montenegro, Letônia e Gibraltar.

O primeiro jogo de Odegaard como capitão da Noruega está marcado para o próximo dia 24 de março, com o início das Eliminatórias da Copa na Europa. O jogo será contra a equipe mais fraca do grupo, Gibraltar. Depois, a seleção norueguesa enfrenta Turquia (no dia 27) e Montenegro (no dia 30). Depois, vem a Eurocopa e as Eliminatórias voltam a ser disputadas em setembro na Europa.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo