Brasil

Agustín Giay é o Mayke com algo a mais que Abel sempre quis no Palmeiras

Treinador poderá ter um apoio mais robusto pelas beiradas, caso o argentino seja contratado, mas San Lorenzo não pretende facilitar negociação

O Palmeiras viu na força de ataque o principal atributo para o interesse em Agustín Giay. O jogador de 20 anos, do San Lorenzo, reúne as características que Abel sempre quis de um lateral.

De certo modo, Giay pode perfeitamente fazer o mesmo que Mayke, principalmente em um esquema com três zagueiros. Em especial, se o beque da direita for alguém como Marcos Rocha.

Mas o argentino tem um elemento a mais que o atual camisa 12 do Verdão: o drible. Mayke vai bem quando espetado na direita. Faz jogadas de ultrapassagem — tanto se deslocando quanto fazendo a parede. Mas não dribla tanto.

Destravar jogos

Hoje, o que o Palmeiras precisa é de dribles. Contra defesas muito recuadas e com até seis defensores na última linha, todo time precisa de jogadores que saibam romper as linhas com menos tática do que técnica.

Esse é o tipo de jogador que Abel chama de “saca-rolhas”. Desde 2021, o treinador lança mão da expressão para se referir aos atletas capazes de definir ou facilitar o jogo em lances individuais.

Giay também é um atleta com boa visão de jogo. Em um esquema com uma linha de cinco jogadores pelo meio, pode também fazer o corredor interno da direita, para um ponta jogar mais avançado. Até como volante, é possível imaginá-lo se encaixando.

Mayke é um dos jogadores mais utilizados por Abel Ferreira em outra posição (Foto: Icon Sport)

A negociação

O Palmeiras não confirma que tenha feito propostas ao San Lorenzo — algo que a imprensa argentina noticia como certo.

Segundo o Olé, da Argentina, o Palmeiras ofereceu US$ 6 milhões por 80% dos direitos do jogador. A reportagem afirma ainda que o San Lorenzo prefere vendê-lo para a Europa — e por US$ 10 milhões.

Uma das razões da preferência pela Europa é o desejo de não reforçar um adversário direto de continente. Neste ano, foi inclusive nos confrontos entre os dois clubes, pela fase de grupos da Copa Libertadores, que o Verdão se interessou mais por Giay.

Contudo, o lateral já era conhecido do clube. Desde as categorias inferiores, o lateral vem sendo capitão das seleções argentinas — posto que ocupa hoje na Sub-20.

Chegadas e partidas

Abel cumprimenta Estêvão após seu primeiro gol como profissional (Foto: (Foto: Cesar Greco/Palmeiras/by Canon)

Se Agustín Giay pode chegar, Luan e Luis Guilherme estão quase fora do Verdão.

O zagueiro interessa ao América do México, que está disposto a pagar cerca de US$ 4 milhões por sua contratação. Luan foi chancelado por PV Guimarães, ex-sub-20 do Verdão, hoje auxiliar de André Jardine no clube mexicano.

Já Luis está a detalhes de ser jogador do West Ham. Os dois clubes chegaram a um acordo para o pagamento de 23 milhões de euros fixos, além de 7 milhões em metas.

Segundo o UOL, o Palmeiras ainda teria direito a 20%, em caso de uma revenda do jogador.

Outra negociação em curso envolve o atacante Estêvão. Por 65 milhões de euros, entre valores fixos e variáveis, o ponta-direita está muito próximo de assinar para se tornar membro do elenco do Chelsea.

Pela sua idade — 17 anos — e pelo fato de o Palmeiras ter um Mundial de Clubes pela frente em 2025, o jogador deve passar mais um ano no Verdão antes de se mudar para o Estádio de Stamford Bridge.

Foto de Diego Iwata Lima

Diego Iwata Lima

Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero, Diego cursou também psicologia, além de extensões em cinema, economia e marketing. Iniciou sua carreira na Gazeta Mercantil, em 2000, depois passou a comandar parte do departamento de comunicação da Warner Bros, no Brasil, em 2003. Passou por Diário de S. Paulo, Folha de S. Paulo, ESPN, UOL e agências de comunicação. Cobriu as Copas de 2010, 2014 e 2018, além do Super Bowl 50. Está na Trivela desde 2023.
Botão Voltar ao topo