Brasil

Tem que mudar isso aí: Palmeiras tem aproveitamento de rebaixado após Datas Fifa

Palmeiras de Abel Ferreira volta de paradas para jogos de seleções sempre jogando pior do que estava antes

O Palmeiras saiu de folga, após a importante vitória sobre o Criciúma (2 a 1), no domingo (2), em Santa Catarina, pelo Campeonato Brasileiro. O time só volta à Academia de Futebol na quinta-feira (6), uma semana antes do confronto com o Vasco, também pelo Brasileirão.

O intervalo até o próximo compromisso se deve à Data Fifa. Além de Endrick, que partiu de vez, Gustavo Gómez (Paraguai), Richard Ríos (Colômbia) e Piquerez (Uruguai) estão com suas seleções.

Já o zagueiro Vitor Reis, o meia Luis Guilherme e o atacante Estêvão partirão para um período de treinos com a seleção sub-20, em preparação para o Sul-Americano da categoria, desfalcando os treinos de Abel Ferreira até o próximo dia 11.

Para um time que pouco jogou bem no ano, a Data Fifa cai como uma bomba. De um modo geral, a quebra no ritmo já costuma ser maléfica para qualquer clube, por mais que o descanso até venha a calhar, no calendário lotado do Brasil. Mas, no Palmeiras, a parada para trabalho das seleções normalmente é ainda mais danosa.

Desempenho de rebaixado

A Trivela fez um levantamento sobre como foi o desempenho do time depois das paradas. Para o levantamento, a reportagem tomou como universo de amostragem os dois jogos imediatamente posteriores aos retornos dos atletas de suas seleções.

Em 2023, o Palmeiras perdeu seis dos dez jogos que fez depois de Datas Fifa, empatou um e ganhou outros três. Tais resultados deram ao time um rendimento de clube rebaixado: 27% de aproveitamento.

Neste ano, houve apenas uma Data Fifa, em março. Na semifinal do Campeonato Paulista, o Palmeiras até venceu o Novorizontino, por 1 a 0. Mas quem assistiu à partida se recorda que o Verdão jogou mal. Foram apenas seis chutes no gol, em uma vitória conquistada graças a uma boa ajeitada de Flaco López para Endrick balançar a rede.

Na sequência, porém, mais uma vez jogando mal, o Palmeiras perdeu para o Santos, por 1 a 0, na Vila Belmiro, pela primeira parida da final do Paulistão. O resultado foi insuficiente para o Peixe. Porque aí, sim, jogando bem, na volta, o Verdão fez 2 a 0 para ficar com o troféu.

Avaliados os desempenhos das duas temporadas depois das paradas para jogos de seleções, o Palmeiras soma quatro vitórias, sete derrotas e um empate, com 36% de aproveitamento.

Nem precisa ser Data Fifa

As Datas Fifa costumam ter pelo menos dez dias e até duas semanas. Mas o Palmeiras nem precisa ficar tanto tempo sem jogar para cair de rendimento, como já se viu na atual temporada.

Entre Palmeiras 2 x 1 Independiente del Valle, pela Copa Libertadores, e Palmeiras 2 x 1 Botafogo-SP, pela Copa do Brasil, houve oito dias. E o desempenho do Palmeiras contra a equipe de Ribeirão Preto também foi sofrível, a despeito da classificação.

Datas Fifa 2023/ 2024

  • 12 jogos seguintes às paradas
  • 4 vitórias
  • 7 derrotas
  • 1 empate
  • 27% de aproveitamento em 2023
  • 36% de aproveitamento 2023 + 2024

Data Fifa de março de 2023
Água Santa 2 x 1 Palmeiras
Bolívar 3 x 0 Palmeiras

Data Fifa de junho de 2023
Bahia 1 x 0 Palmeiras
Palmeiras 0 x 1 Botafogo

Data Fifa de setembro de 2023
Palmeiras 1 x 0 Goiás
Grêmio 1 x 0 Palmeiras

Data Fifa de outubro de 2023
Palmeiras 0 x 2 Atlético-MG
Coritiba 0 x 2 Palmeiras

Data Fifa de novembro de 2023
Fortaleza 2 x 2 Palmeiras
Palmeiras 4 x 0 América-MG

Data Fifa de março de 2024
Palmeiras 1 x 0 Novorizontino
Santos 1 x 0 Palmeiras

Data Fifa de junho de 2024
Palmeiras x Vasco
Atlético-MG x Palmeiras

Foto de Diego Iwata Lima

Diego Iwata Lima

Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero, Diego cursou também psicologia, além de extensões em cinema, economia e marketing. Iniciou sua carreira na Gazeta Mercantil, em 2000, depois passou a comandar parte do departamento de comunicação da Warner Bros, no Brasil, em 2003. Passou por Diário de S. Paulo, Folha de S. Paulo, ESPN, UOL e agências de comunicação. Cobriu as Copas de 2010, 2014 e 2018, além do Super Bowl 50. Está na Trivela desde 2023.
Botão Voltar ao topo