Brasil

Jorge Jesus critica convocação de Neymar por Diniz para a Seleção: ‘Não tem condições’

Técnico do Al-Hilal, Jorge Jesus diz que atacante está lesionado e não deveria ter sido convocado para a Seleção

Fernando Diniz conta muito com Neymar na Seleção, e sua primeira convocação é a prova disso. O camisa 10 está na lista para a estreia nas Eliminatórias, com expectativas de ser o protagonista no ciclo para a Copa do Mundo de 2026. O problema é que ele talvez nem possa estar em campo pelo Brasil nos jogos contra Bolíva e Peru.

Quem revelou isso foi o técnico do brasileiro no Al-Hilal, da Arábia Saudita, Jorge Jesus. Neste sábado (19), Neymar foi apresentado oficialmente pelo clube em um grande evento antes do empate com o Al-Fayha, pelo campeonato local. O brasileiro apenas assistiu à partida. Mas foi protagonista da entrevista do treinador.

Jesus, ao seu estilo, foi só elogios a Neymar. Mas ele também revelou que o brasileiro chegou ao clube com uma pequena lesão muscular. De acordo com o treinador, ele sequer conseguirá treinar com os companheiros e muito menos tem previsão de estreia pelo clube saudita.

– Neymar pode fazer tudo pela equipe do Al-Hilal. É um dos melhores jogadores do mundo, não tenho dúvidas disso, em condições físicas normais. Ele chegou com uma pequena lesão, não vai conseguir treinar ainda com o time. Não sei quando vai estar em condições para poder jogar – disse Jesus.

Em seguida, o treinador subiu o tom. Ele questionou, inclusive, a convocação de Neymar à seleção brasileira e cogitou que ele seja “obrigado” a atuar mesmo sem ter condições de jogo. De acordo com Jesus, o atacante não conseguirá atuar tão cedo.

– Já que estamos falando do Neymar, não sei por que está na convocação da seleção do Brasil, um jogador que está lesionado. Se calhar, vão obrigar o Neymar a ir ao Brasil. Não vai jogar, porque não tem condições de jogar. Nem treinar, quanto mais de jogar. Mas sei que está na convocação. Sei que esse é um tema que temos que discutir. Hoje não vejo justificativa nenhuma do Neymar ir ao Brasil, se está lesionado – indagou Jesus.

Diniz quer Neymar protagonista

As declarações de Jorge Jesus frustram os planos de Fernando Diniz. Mesmo que ele esteja preocupado com os efeitos que atuar na Arábia Saudita possam causar para Neymar, o técnico quer que o camisa 10 seja protagonista da Seleção. A sua entrevista após a primeira convocação deixa isso bem claro.

O curioso sobre a entrevista de Jorge Jesus é que Diniz afirmou que teve uma conversa com Neymar antes da convocação. Ou seja: o assunto não deve ter sido tratado durante o papo entre técnico e atleta. Caso o atacante, de fato, não tenha condições de atuar, o problema físico pode ter sido recente.

– Eu conversei com ele e ele se mostrou muito disposto e feliz em construir uma história comigo aqui. E sobre ele, já falei, mas vou repetir: é um jogador que é difícil surgir um igual. E acho que ele, pelo nível dele, pode escrever um capítulo, um capítulo ainda mais bonito da história dele, que ainda não chegou – disse o treinador.

CBF responde

Durante a noite deste sábado, a Confederação Brasileira de Futebol divulgou uma “nota de esclarecimento”, afirmando que o departamento médico da entidade avalia a condição física de Neymar e que a “comissão técnica está ciente da situação”, além de reforçar que a apresentação dos jogadores deve ser apenas daqui 15 dias.

O departamento médico da Seleção Brasileira Masculina de Futebol informa que vem monitorando há alguns dias as condições clínicas do jogador Neymar Jr. A comissão técnica está ciente da situação e tem mantido contato constante com o atleta, acompanhando a sua evolução.

A apresentação dos jogadores convocados pelo técnico Fernando Diniz está prevista para cerca de 15 dias.

Qualquer atualização sobre o quadro clínico do jogador será informada no momento oportuno.

 

A primeira lista de convocados de Diniz:

  • Goleiros:
    Alisson (Liverpool)
    Bento (Athletico)
    Ederson (Manchester City)
  • Laterais:
    Caio Henrique (Monaco)
    Danilo (Juventus)
    Renan Lodi (Olympique de Marseille)
    Vanderson (Monaco)
  • Zagueiros:
    Gabriel Magalhaes (Arsenal)
    Ibañez (al-ahli)
    Marquinhos (PSG)
    Nino (Fluminense)
  • Meio-campistas:
    André (Fluminense)
    Bruno Guimarães (Newcastle)
    Casemiro (Manchester United)
    Joelinton (Newcastle)
    Raphael Veiga (Palmeiras)
  • Atacantes:
    Antony (Manchester United)
    Gabriel Martinelli (Arsenal)
    Matheus Cunha (Wolverhampton)
    Neymar (Al-Hilal)
    Richarlison (Tottenham)
    Rodrygo (Real Madrid)
    Vinicius Jr (Real Madrid)

Estreia da Seleção nas Eliminatórias

A Seleção estreia nas Eliminatórias da Copa de 2026 em 8 de setembro, quando enfrenta a Bolívia no Mangueirão, em Belém. Depois, o Brasil viaja a Lima para enfrentar o Peru no dia 12 de setembro.

A Copa do Mundo de 2026 será disputada em três países: Estados Unidos, Canadá e México. As Eliminatórias Sul-Americanas classificarão seis seleções de forma direta. Há ainda uma sétima vaga de repescagem em jogo, com um total de 10 países na briga.

Foto de Eduardo Deconto

Eduardo Deconto

Eduardo Deconto nasceu em Porto Alegre (RS) e se formou em Jornalismo na PUCRS. Antes de escrever para a Trivela, passou por ge.globo e RBS TV.
Botão Voltar ao topo