Brasil

Hulk ganha mais liberdade com Milito, e engata sequência de assistências no Atlético-MG

Camisa 7 não marca há cinco jogos, mas soma quatro assistências nesse mesmo período com o técnico argentino

Com mais de 100 gols pelo Atlético-MG desde 2021, o atacante Hulk vive uma fase menos artilheira com Gabriel Milito. Desde que o argentino assumiu, o camisa 7 só marcou duas vezes em oito jogos. Por outro lado, soma quatro assistências nas últimas cinco partidas, mostrando como o treinador o deixa mais livre no campo para usar toda a sua qualidade técnica também para criar jogadas.

Hulk é um dos jogadores mais técnicos do futebol brasileiro. Além da qualidade para finalizar as jogadas, ele sempre demonstrou também muito talento para participar da criação dos lances, e Gabriel Milito tem potencializado isso. Ao todo, são 37 assistências nos 188 jogos que já fez pelo Galo, sendo quatro delas nas últimas cinco partidas. Em 2023, ele também teve uma sequência do tipo.

Com Milito, Hulk tem tido mais liberdade para flutuar no campo de ataque, como ele mesmo citou após a vitória atleticana por 3 a 0 contra o Cruzeiro no último fim de semana. Ele aparece tanto pela esquerda quando pela direita, além de também centralizado, muitas vezes atraindo a marcação, como no primeiro gol de Scarpa contra o Peñarol. Além disso, é mais comum vê-lo recuar no campo para criar jogadas, principalmente para os alas.

Sempre falo com os jogadores ali do meu lado, que exploram muito bem o espaço: “Quando eu baixar e o zagueiro me acompanhar, pode ir que você vai ficar sozinho”, e isso vem acontecendo — disse Hulk após a vitória contra o Peñarol na Libertadores.

Hulk não se incomoda em não marcar

Hulk é um artilheiro nato, não à toa já soma mais de 100 gols pelo Atlético e teve números expressivos por todos os lugares que passou. Mas o jogador não tem a vaidade de precisar sempre balançar as redes. Para ele, vale mais contribuir para uma vitória, independente como.

— Se eu ficar cinco jogos sem fazer gol e a gente sair com a vitória, está maravilhoso para mim. Se eu não estiver fazendo gol, mas dando assistência e participando, para mim, já tá valendo. O mais importante é a nossa vitória e os títulos, depois vem o individual — destacou o camisa 7.

Scarpa é o mais beneficiado com o Hulk criador

Das quatro assistências recentes de Hulk, três foram para os pés de Gustavo Scarpa, que vive uma fase ótima desde a chegada de Gabriel Milito. Desde que o camisa 6 chegou, é comum ver os dois conversando e debatendo em campo.

No último jogo, quando o Galo venceu o Peñarol por 3 a 2, com dois de Scarpa, eles se desentenderam no primeiro tempo, mas, no segundo, Hulk deu assistência meia para marcar mais uma vez, e celebraram juntos. No fim, ambos destacaram que as discussões são normais e fazem parte do jogo.

— Coisas do futebol, atritos, discussões que fazem parte. E aí, ironicamente, no segundo tempo ele me deu mais uma assistência, e eu fui feliz no gol. Mas, de novo, o mais importante é sempre a vitória do grupo. Discussões, brigas, elas são normais desde que se mantenha o respeito. O importante é se dar bem dentro de campo — disse Scarpa à Paramount+.

— Tudo resolvido, treta normal que companheiros de equipe tem. Como a gente costuma falar, sempre aquelas discussões saudáveis, sempre para o melhor do grupo. O importante é o resultado final — destacou Hulk na zona mista.

A celebração de Hulk com Scarpa após o gol do meia contra o Peñarol (AGIF/Icon Sport)

O clima entre eles é esse desde o início. Hulk já havia falado anteriormente que ia cobrar sempre de Scarpa por conta da qualidade que ele tem. O meia brincou que sempre argumenta com o camisa 7 no vestiário, pois “tem cara para defender”. Apesar das discussões, fica evidente que elas são saudáveis e naturais, como eles mesmo citaram, e servem para ambos evoluírem e se encontrarem mais em campo.

Foto de Alecsander Heinrick

Alecsander Heinrick

Alecsander Heinrick se formou em Jornalismo na PUC Minas em 2021. Antes da Trivela, passou por Esporte News Mundo, EstrelaBet e Hoje em Dia.
Botão Voltar ao topo