Brasil

Canhoto e com forte característica de marcação, João Schimidt chega para reforçar o meio-campo do Santos

Aos 30 anos, o volante canhoto João Schimidt é um pedido do técnico Fábio Carille que o acompanhou de perto no Japão

Dando continuidade ao seu processo de reformulação para a temporada 2024, o Santos anunciou, neste sábado (30), a contratação do volante João Schimidt, de 30 anos. O jogador estava no Kawasaki Frontale, do Japão, e assinou contrato de um ano com o Peixe. Revelado pelo São Paulo e com passagem pelo futebol italiano e português, o novo reforço alvinegro é um pedido do técnico Fábio Carille, que acompanhou de perto o atleta durante a sua passagem pelo continente asiático. O fato de o atleta pertencer ao mesmo grupo de empresários do treinador facilitou a negociação.

No vínculo de João Schimidt, que será formalizado após a realização de exames médicos, na próxima semana, está prevista a opção pela renovação por mais uma temporada, caso seja interesse do Santos.

Como João Schimidt chega ao Santos?

Primeiro homem de marcação do meio-campo, o canhoto João Schmidt chega ao Santos vindo de 35 jogos da temporada passada no Kawasaki Frontale, considerando o Campeonato e a Copa nacional. Deste montante, foram 25 como titular.

Por ser um jogador com características de marcação, o volante não acumulou muitos gols e assistências na temporada passada. Foram duas assistências distribuídas e um gol marcado ao longo da campanha da sua equipe, que terminou o Campeonato Japonês na 8ª colocação.

Por outro lado, responsável por proteger a defesa, João Schimidt, de 1,83cm, terminou as competições do calendário 2023 com 136 duelos aéreos ganhos, 185 interceptações e 201 duelos defensivos vencidos. Foram nove cartões amarelos recebidos como consequência das 50 faltas cometidas. Isso aponta para uma média de 1,4 faltas por jogo. O novo reforço santista não foi punido com cartão vermelho.

Reserva de Tomás Rincón no Santos?

Ao desembarcar na Vila Belmiro, João Schimidt terá como principal concorrente pela titularidade o venezuelano e capitão Tomás Rincón, que, assim como o goleiro Joçao Paulo, aceitou reduzir o seu salário para permanecer no Santos e ajudar o clube na missão de voltar à Série A do Campeonato Brasileiro.

Apesar disso, nada impede o técnico Fábio Carille de, quando necessário ou dependendo da formação que vier a usar, utilizar os dois juntos no meio-campo, uma vez que o venezuelano, por conta do seu bom passe, pode atuar de maneira mais adiantada no meio-campo.

João Schimidt é o oitavo reforço do Santos

Antes de anunciar a contratação de João Schmidt, o Santos já havia confirmado as chegadas de outros sete jogadores para o próximo ano. Sabedor de que a experiência para encarar os compromissos da Série B será importante, o Peixe foi ao mercado apostando em jogadores cascudos e com títulos no currículo.

Esses são os casos do meia Giuliano e do zagueiro Gil, ambos contratados após o término dos seus vínculos com o Corinthians, do lateral-esquerdo Jorge, emprestado pelo Palmeiras, e do atacante Willian Bigode, que deixou o Athletico-PR. Além deles também estão certos com o Santos os laterais-direitos Aderlan e Hayner e o meia Otero.

O Santos ainda tem tudo acertado com o atacante Guilherme, que também interessava ao Corinthians.

O elenco alvinegro se reapresenta no CT Rei Pelé para iniciar a pré-temporada no próximo dia 5 de janeiro. Os trabalhos serão visando a estreia no Campeonato Paulista, que acontece em 20 de janeiro, diante do Botafogo-SP, em Ribeirão Preto.

O Peixe está no Grupo A do estadual ao lado de Ituano, Portuguesa e Santo André.

Foto de Bruno Lima

Bruno Lima

Bruno Lima nasceu em Santos (SP) e se formou em Jornalismo na Universidade Católica de Santos (UniSantos) em 2010. Antes de escrever para Trivela, passou por A Tribuna.
Botão Voltar ao topo