Brasileirão Série A

James chega ao São Paulo nos braços do povo e ganha música zoando o Corinthians

Meia será apresentado pelo São Paulo nesta terça-feira, no CT da Barra Funda

James Rodríguez já está no Brasil, e a recepção pela torcida do São Paulo foi à altura de sua contratação. O colombiano desembarcou na capital paulista na noite do último domingo nos braços de cerca de 150 são-paulinos no aeroporto de Congonhas.

O colombiano é uma contratação que será paga com recursos próprios do São Paulo. O jogador chega com altas expectativas e contamos como James se encaixa no time do São Paulo. O meia assistiu ao jogo do São Paulo neste domingo, contra o Bahia – empate por 0 a 0 no Morumbi – da Colômbia, como publicou no seu Instagram.

Tanto o saguão de desembarque virou uma réplica do Morumbi, que o meia ganhou até música da torcida. A letra tem uma provocação ao corintiano Renato Augusto e uma lembrança sobre a carreira do meia, com passagem pelo Real Madrid (ESP), em que atuou com o francês Karim Benzema.

Escoltado por seguranças, James passou em meio ao são-paulinos que se acotovelavam para tentar ver o craque de perto. O meia foi escoltado até um carro particular do clube e deixou o aeroporto enquanto os torcedores seguiam a festa.

A letra da música para James:

Ôôô! James Rodríguez vem aí
E uma taça eu vou ganhar
Renato Augusto é o C***
Nunca jogou com Benzema

Craque recebido pelo presidente

James assistiu ao empate em 0 a 0 do São Paulo com o Bahia, no Morumbi, pelo Brasileirão, ainda na Colômbia. O jogador chegou publicar uma imagem nas redes sociais acompanhando a partida. Depois, ele embarcou rumo a São Paulo em um avião particular.

Na capital paulista, ele foi recebido pelo presidente Julio Casares, ainda na pista do aeroporto de Congonhas. O clube ainda divulgou uma imagem dele conversando com Rafinha e pedindo para entrar no grupo dos jogadores no WhatsApp.

Nesta segunda-feira, o meia terá o primeiro contato com os companheiros de elenco. Será um dia de avaliações físicas e testes no CT da Barra Funda.

James será apresentado nesta terça

O São Paulo marcou a apresentação de James Rodríguez para as 14h desta terça-feira, no CT da Barra Funda. O jogador, porém, segue sem previsão de estreia pelo Tricolor. James não atua desde abril, quando rescindiu seu contrato com o Olympiacos, da Grécia.

– Sabemos as dificuldades que a diretoria vem tendo e mesmo assim trabalhando forte para dar essas peças e fazer cada dia mais o elenco qualificando. Talvez seja uma das maiores contratações do futebol brasileiro, vai ser recebido de braços abertos porque o grupo é fantástico. A ideia é trabalhar bastante com o James. Se não me engano, o último jogo dele foi no mês de abril. Ele já vinha treinando sozinho. É trabalhar com ele para deixar em condições o mais rápido possível porque será fundamental para elevar a qualidade da nossa equipe – disse Lucas Silvestre, auxiliar do técnico Dorival Júnior.

A expectativa do clube

Desde o início das negociações, James foi visto pelo Tricolor como um reforço para mudar o patamar da equipe. A contratação atende a um pedido de Dorival Júnior, que não tem cobrado reforços publicamente, mas em conversas particulares com a diretoria pedia um “camisa 10”, afirmando que era uma lacuna do elenco.

James foi um dos jogadores analisados pelo departamento de mercado do clube paulista, que chegou a abrir conversas para contar com uruguaio Rodrigo Zalazar, mas o atleta acabou acertando com o Braga, de Portugal.

A contratação é vista como fundamental para alterar o ano do São Paulo e ajudar na briga por títulos no segundo semestre. Ele deve ser regularizado a tempo de atuar no jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil contra o Corinthians, no dia 16 de agosto. No entanto, ainda não existe um planejamento pensando na estreia do colombiano.

Como o São Paulo vai pagar James

Após uma negociação de forma quase silenciosa por 30 dias, o São Paulo anunciou a contratação de James Rodríguez no último sábado (29). Conforme apurado pela Trivela e confirmado pelo clube, o contrato de James com o Tricolor será válido por dois anos. O colombiano estava livre no mercado após rescindir com o Olympiacos, da Grécia, em abril deste ano.

O São Paulo conduzia a negociação sem o aporte de investidor. A diretoria pretende usar recursos próprios para fechar a contratação do meia, mesmo em situação delicada em suas finanças. O que favoreceu o clube neste contexto é que James está livre no mercado. Assim, o Tricolor negociou diretamente com o atleta valores de vencimentos mensais e luvas, sem necessidade de compensação financeira a outra equipe.

Recentemente, o Botafogo chegou a negociar com o colombiano. A SAF do clube apresentou uma proposta com valor fixo e bônus mensais, mas o meia recusou os valores apresentados.

Foto de Eduardo Deconto

Eduardo Deconto

Eduardo Deconto nasceu em Porto Alegre (RS) e se formou em Jornalismo na PUCRS. Antes de escrever para a Trivela, passou por ge.globo e RBS TV.
Botão Voltar ao topo