Brasileirão Série A

Jogo contra o Palmeiras é exemplo do discurso de Tite para o Flamengo no Brasileirão

Mesmo na terceira rodada, Flamengo e Palmeiras farão um duelo que vai muito além dos três pontos neste Brasileirão

O Flamengo enfrentará o Palmeiras logo mais, às 16h (horário de Brasília) deste domingo (21), em jogo válido pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. Tite e companhia chegam a São Paulo baleados de uma sequência pesada, que ficará ainda pior no meio de semana, mas, mesmo assim, deve poupar pouquíssimas peças. Essa decisão é um exemplo do discurso do treinador no início da liga nacional.

A preparação do Flamengo foi curta antes da viagem para São Paulo, e Tite conseguiu identificar alguns desgastes notórios, como foram os casos de Pedro e Nico De La Cruz, pensando já no jogo de quarta-feira (24), na altitude de La Paz. Mesmo assim, a tendência é que a dupla receba minutos vinda do banco de reservas. O comandante está ciente de que, se quiser ser campeão, precisa levar os 38 jogos como decisões.

— Os mesmos três pontos que disputamos aqui são os mesmos três pontos que vão dizer onde devemos estar no fim do campeonato. Briga por campeão, Libertadores… Era a primeira de 38 decisões, temos essa consciência — disse, após a vitória sobre o Atlético-GO, na rodada inaugural.

Confronto direto contra o Palmeiras

Vale os mesmos três pontos e todos podem fazer falta, claro, mas um duelo entre Flamengo e Palmeiras sempre vai movimentar a parte de cima da tabela. Como o Campeonato Brasileiro começou recentemente, e o clássico interestadual vale pela terceira jornada, muitos não estão dando o devido valor para a partida. Esse sentimento pode ser perigoso demais.

Numa futura briga pelo título, projetada desde que a tabela foi publicada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), os pontos disputados no confronto direto serão fundamentais. Ainda que a maratona esteja bem pesada para o elenco, algo que é exemplificado pelas mudanças pontuais promovidas por Tite, o Rubro-Negro entrará em campo praticamente com o que tem de melhor à disposição.

Dessa forma, a provável escalação do Flamengo é: Rossi, Varela, Fabrício Bruno, Léo Pereira e Ayrton Lucas; Allan, Erick Pulgar e Arrascaeta; Luiz Araújo, Bruno Henrique e Carlinhos (Pedro). 

Maratona puxada para o Flamengo

O mês de abril tem castigado bastante o Flamengo. O fim do Campeonato Carioca, e a estreias no Brasileirão e na Libertadores, fizeram com que o ritmo do elenco fosse muito maior e, como consequência, o desgaste bateu na porta. Tanto que o Rubro-Negro só teve dois jogos com o time considerado o ideal neste mês, contra Nova Iguaçu e Palestino.

Contra o Palmeiras, o Flamengo ainda chega ao ápice total desta sequência, já que precisará ser perfeito no Allianz para sair com a vitória, pensando no maior desafio do mês: o jogo diante do Bolívar, na altitude de La Paz. Por enquanto, Tite e companhia conseguiram manter a invencibilidade na temporada, mas tudo será colocado a prova ao longo dos próximos dias.

  • Millonarios 1 x 1 Flamengo – Fase de grupos da Libertadores – 02/04
  • Flamengo 1 x 0 Nova Iguaçu – Final do Carioca – 07/04
  • Flamengo 2 x 0 Palestino – Fase de grupos da Libertadores 10/04
  • Atlético-GO 1 x 2 Flamengo – Brasileirão – 14/04
  • Flamengo 2 x 1 São Paulo – Brasileirão – 17/04

Vale a manutenção da liderança

O duelo deste domingo vale ainda mais para o Flamengo, já que Tite e companhia conseguiram quebrar um tabu que já durava desde a edição de 2020 do Brasileirão. O Rubro-Negro ocupa a primeira posição da liga nacional depois de mais de três anos e não quer a perder depois de apenas uma jornada. Para isso, contudo, precisa manter os 100% de aproveitamento.

O elenco do Flamengo celebra o gol de Luiz Araújo contra o São Paulo (Foto: Gilvan de Souza/CRF)

A principal ameaça para o Flamengo é o Internacional, único time que partilha de campanha semalhante e que entrará em campo no mesmo horário para enfrentar o Athletico Paranaense, em Curitiba. O Red Bull Bragantino, que venceu o Corinthians neste sábado (20), dormiu na liderança.

  1. Red Bull Bragantino – 7 pontos (+2 de saldo) – 3 jogos
  2. Flamengo – 6 pontos (+2 de saldo) – 2 jogos
  3. Grêmio – 6 pontos (+2 de saldo) – 3 jogos
  4. Internacional – 6 pontos (+2 de saldo) – 2 jogos
  5. Atlético-MG – 5 pontos (+3 de saldo) – 3 jogos
  6. Juventude – 4 pontos (+2 de saldo) – 2 jogos
Foto de Guilherme Xavier

Guilherme Xavier

É repórter na cobertura do Flamengo há três anos, com passagens por Lance! e Coluna do Fla. Fã de Charlie Brown Jr e enxadrista. Viver pra ser melhor também é um jeito de levar a vida!
Botão Voltar ao topo