Brasileirão Série A

Problema de Léo Pereira acirra de vez a briga por titularidade na zaga do Flamengo

Tite terá de lidar com problema na zaga antes de clássico contra o Vasco neste domingo (02)

A permanência de Fabrício Bruno, que recusou proposta salarial do West Ham, mexeu com algumas estruturas no Flamengo. Léo Ortiz vinha sendo preparado para suprir a saída do companheiro, mas, com a reviravolta, Tite vê a briga pela titularidade esquentar ainda mais. E a lesão de Léo Pereira acabou fazendo com que os dois formassem a dupla no Clássico dos Milhões.

A parceria, inclusive, não é uma novidade para os zagueiros, que já atuaram juntos em diversas oportunidades pelo Red Bull Bragantino. Fabrício Bruno e Léo Ortiz formaram uma das zagas mais potentes do Massa Bruta nos últimos anos, mas, agora, competem pelo mesmo espaço.

Fabrício e Léo Ortiz juntos? Um David Luiz no caminho

Até parecia que os zagueiros teriam sua segunda partida juntos em 2024, mas não foi o caso. A primeira foi no jogo contra o Amazonas, válido pela volta da terceira fase da Copa do Brasil, e a dupla terminou sem sofrer nenhum gol. Ainda que os dois sejam destros, o esquema funcionou bem, e Tite formou como nos velhos tempos de Red Bull Bragantino.

Os dois fizeram história em Bragança Paulista, acumulando mais de 50 partidas e média inferior a um gol por partida. Fabrício e Léo levaram o Bragantino ao compromisso mais importante da sua história, mas acabaram derrotados pelo Athletico Paranaense na final da Sul-Americana, com gol do meia Nikão. É considerada a melhor linha de zaga desde a chegada da Red Bull no clube.

  • 56 jogos (18 sem sofrer gol)
  • 5.190 minutos
  • 53 gols sofridos

A grande questão é que, mesmo depois de treinar com a dupla ao longo da preparação, Tite mudou e deve escalar David Luiz ao lado de Fabrício Bruno. O movimento surpreendeu a torcida, já que o experiente zagueiro pouco esteve em campo em 2024.

Quando Léo Pereira volta ao Flamengo?

A Trivela entrou em contato com fontes ligadas ao dia a dia do clube, que confirmaram um retorno distante para Léo Pereira. O zagueiro deixou o jogo contra o Bolívar ainda no primeiro tempo, e as dores na coxa tinham motivo: uma lesão muscular no local, muito similar com a sofrida por Ayrton Lucas. O camisa 4 está em recuperação desde então.

Léo Pereira está totalmente descartado do Clássico dos Milhões deste domingo (2) e só deve retornar depois da Data Fifa, no jogo contra o Grêmio, também pelo Brasileirão.

Para a sorte do Rubro-Negro, esse será o último período de compromissos das seleções que não terá qualquer tipo de partida válida por competições nacionais.

Léo Pereira ainda vai ficar fora por pelo menos dez dias (Foto: Thiago Ribeiro/AGIF/Sipa USA) – Photo by Icon Sport

O cenário da briga pelo titularidade

Quando Léo Pereira retornar, Tite terá aquela dor de cabeça boa, que todo treinador gosta. Ainda que titular neste domingo (02), David Luiz corre por fora e vem sendo utilizado quando necessário, sempre dando conta do recado.

Contra o Millonarios, por exemplo, o experiente zagueiro teve excelente exibição. A briga está mesmo entre os dois Léo’s e Fabrício Bruno, duas vagas para três atletas.

Por enquanto, Ortiz foi quem menos recebeu oportunidades, afinal, começou sua jornada no Flamengo apenas em março. Tite vê Léo Pereira e Fabrício Bruno como a zaga titular, mas tudo depende da sequência. No meio-campo, por exemplo, Allan tem sido titular mesmo com Pulgar à disposição.

Pereira acompanhará esse Flamengo e Vasco das arquibancadas, enquanto os companheiros trabalham duro para manter o Rubro-Negro entre os melhores desse Brasileirão.

Foto de Guilherme Xavier

Guilherme Xavier

Jornalista formado pela PUC-Rio. Da final da Libertadores a Série A2 do Carioca. Copa do Mundo e Olimpíada na bagagem. Passou por Coluna do Fla e Lance antes de chegar à Trivela, onde apura e escreve sobre o Flamengo desde 2023.
Botão Voltar ao topo