Brasileirão Série A

Felipão precisa melhorar como visitante no Atlético-MG, e Inter é o ‘adversário perfeito’

Atlético-MG venceu apenas uma partida como visitante com Felipão no comando, mas agora terá um adversário que parece perfeito para mudar essa história

O Atlético-MG está embalado na temporada e chegou a quatro jogos seguidos sem derrota no Campeonato Brasileiro. Apesar do bom momento, o Galo ainda tem muito a evoluir com Felipão, e isso passa pelo desempenho fora de casa, que com o treinador caiu muito. Na próxima rodada, o alvinegro visita o Internacional no Beira-Rio, e o jogo parece perfeito para o treinador melhorar seus números como visitante.

Com Felipão, o Atlético melhorou o desempenho como mandante. Para isso, ele teve o grande reforço da Arena MRV, nova casa do Galo, que foi estreada há um mês. O alvinegro venceu todos os últimos quatro jogos que fez com o mando de campo. Por outro lado, os números fora de casa caíram muito com o experiente treinador brasileiro.

Com o recorte apenas do Campeonato Brasileiro, Eduardo Coudet teve no Atlético cinco jogos como visitante, com o time vencendo três, empatando um e perdendo outro. Foram 10 de 15 pontos conquistados, o que dá um aproveitamento de 66,6%, considerado alto para quem joga longe de seus domínios. Já com Felipão, o Galo fez sete jogos como visitante, vencendo apenas um, empatando três e saindo derrotado em outros três. Com seis pontos de 21 possíveis, o aproveitamento do brasileiro é de apenas 28,5%.

Desempenho do Atlético como visitante no Campeonato Brasileiro
Com Coudet Com Felipão
Santos 0x0 Atlético Fluminense 1×1 Atlético
Botafogo 2×0 Atlético Fortaleza 2×1 Atlético
Cuiabá 0x4 Atlético Goiás 0x0 Atlético
Coritiba 1×2 Atlético Grêmio 1×0 Atlético
Cruzeiro 0x1 Atlético São Paulo 0x2 Atlético
Vasco 1×0 Atlético
Athletico-PR 1×1 Atlético

Primeira vitória de Felipão foi como visitante

Felipão teve um início terrível no Atlético, ficando nove jogos (em todas as competições) sem vencer. No Campeonato Brasileiro, ele foi derrotado fora de casa por Fortaleza e Grêmio, e empatou com Fluminense e Goiás. A sequência ruim terminou quando o Galo venceu o São Paulo, no Morumbi, por 2 a 0. Mas, depois disso, o time seguiu sem vencer longe de seus domínios, perdendo para o Vasco e empatando com o Athletico-PR na última ocasião.

Inter é o adversário perfeito

Felipão precisa melhorar o desempenho e os números do Atlético fora de casa se quiser realmente lutar por uma vaga na Libertadores. Para isso, o clube terá pela frente um adversário perfeito para conseguir somar três pontos como mandante. O Internacional, rival do Galo no sábado (30), em Porto Alegre, é apenas o 12° melhor mandante do Campeonato Brasileiro. O Colorado até venceu o último jogo na competição, mas antes disso, passou cinco partidas seguidas sem conquistar os três pontos em casa.

Mas não é só o baixo desempenho do Internacional como mandante que pode alegrar Felipão. O Inter está na disputa da Copa Libertadores e, o jogo contra o Galo, é justamente no meio dos dois jogos das semifinais da competição. No primeiro, o Colorado empatou com o Fluminense em 2 a 2, e agora vai decidir no Beira-Rio na próxima quarta (4). Por isso, é bem provável que Eduardo Coudet coloque um time reserva em campo para encarar seu ex-time no Brasileirão.

— Seguramente, será o último jogo em que teremos a decisão de cuidar de alguns. Eu gostaria de falar que vão jogar todos (contra o Atlético), mas temos um jogo de decisão na quarta-feira e é um jogo que esperamos todos: os jogadores, torcedores, vocês (imprensa). Já temos que tentar começar a definir quem são os que podem iniciar no sábado. Quase não temos tempo – disse Coudet após o empate contra o Flu nesta quarta.

Felipão sabe que o confronto contra o Inter mesmo assim será difícil, mas deu uma meta aos jogadores após a vitória contra o Cuiabá: “Temos uma missão, que é três pontinhos lá em Porto Alegre, se fizermos isso, a gente emparelha com todo mundo”. Esse emparelhamento que o treinador citou é encostar ainda mais no G4, principal objetivo do clube no ano. No momento, o Galo está há cinco pontos do quarto colocado.

Foto de Alecsander Heinrick

Alecsander Heinrick

Alecsander Heinrick se formou em Jornalismo na PUC Minas em 2021. Antes da Trivela, passou por Esporte News Mundo, EstrelaBet e Hoje em Dia.
Botão Voltar ao topo