Brasileirão Série A

Arena MRV é o 19º estádio a receber um Atlético-MG x Flamengo; relembre todos

História da rivalidade começou em 1929 e passou por outros 18 estádios, entre conhecidos e inusitados

Flamengo e Atlético-MG protagonizam, senão a maior, uma das maiores rivalidades interestadual do Brasil. Cariocas e mineiros já se enfrentaram em diversos momentos decisivos e acumularam polêmicas ao longo de quase 100 anos de confrontos. Entre amistosos e jogos oficiais, as equipes duelaram 127 vezes.

Por isso, a história desse confronto passa por diversos locais, alguns que até deixaram de existir. A Trivela levantou todos os estádios que já receberam Flamengo x Atlético-MG na história.

Onde tudo começou?

A história de Flamengo e Atlético Mineiro começa no dia 16 de junho de 1929. O Estádio Antônio Carlos, em Lourdes, o primeiro a pertencer ao Galo, foi o palco que deu início à rivalidade.

Poucas semanas após a inauguração, o local estava repleto, mas terminou decepcionado. Os rubro-negros venceram o amistoso por 3 a 2.

O estádio Antônio Carlos, em Lourdes, recebeu o primeiro jogo entre Flamengo e Atlético-MG (Foto: Acervo do Museu Mineirão)

Os estádios que mais receberam partidas

Não foi difícil entender que três estádios dominam a lista dos que mais foram palcos dessa rivalidade. Maracanã e Mineirão, por muito tempo consideradas as casas de Flamengo e Atlético-MG, encabeçam a lista, com mais de 50% das partidas disputadas.

É importante destacar, também, o papel do Independência nessa rica história. Flamengo e Atlético Mineiro já jogaram na antiga e nova versão do estádio, com vantagem para o Galo, assim como no Mineirão. O Maracanã se pintou mais com as cores do Rubro-Negro.

As estreias, contudo, tiveram domínio total do Flamengo. O Rubro-Negro goleou o Galo por 4 a 0 no Maracanã e venceu por 3 a 1 na primeira no Mineirão. A equipe carioca também levou vantagem no Independência, com triunfo por 3 a 1, em 1953.

Onde foram as finais?

As equipes já disputaram duas decisões entre si, ambas no âmbito nacional. A primeira foi a do Campeonato Brasileiro de 1980, disputada em dois jogos, o primeiro no Mineirão e o segundo no Maracanã. O Galo venceu a ida em Belo Horizonte, com o brilho do artilheiro Reinaldo, mas acabou sendo vice para o Flamengo no jogo de volta.

A segunda partida, inclusive, foi eleita a melhor da história do Brasileirão em votação recente do portal Globo Esporte. Reinaldo empatou para o Galo duas vezes, após o Flamengo ficar em vantagem com gols de Nunes e Zico, mas não foi suficiente para garantir o título. O Artilheiro das Decisões voltaria a marcar, para sacramentar o primeiro título nacional do Rubro-Negro.

Nunes marcou o gol do título brasileiro do Flamengo em 1980 (Foto: Acervo O Globo)

A outra decisão é bem mais recente, disputada em 2022, válida pela Supercopa do Brasil. O Galo, campeão dos dois torneios nacionais, recebeu o Flamengo, vice do Brasileirão, na Arena Pantanal. Depois de um 2 a 2 eletrizante no tempo normal, a disputa por pênaltis ganhou ar de dramaticidade, até que o Galo se sagrou campeão. O placar final impressiona: 8 a 7, com Everson decisivo.

O Atlético Mineiro levanta a taça da Supercopa do Brasil (Foto: Divulgação/CAM)

Dono da polêmica

Ainda que não tenha sido um dos palcos que mais receberam jogos, o Serra Dourada foi palco do jogo mais lembrado entre Flamengo e Atlético Mineiro.

Cariocas e mineiros se enfrentaram no duelo de desempate da Libertadores de 1981, que definiria o representante brasileiro nas semifinais. A partida, contudo, acabou muito antes do esperado.

O árbitro José Roberto Wright foi protagonista do confronto, já que expulsou cinco jogadores do Galo antes do fim do primeiro tempo.

O jogo acabou por falta de número mínimo de atletas, por isso o Flamengo ficou com a vaga e, posteriormente, levantaria a primeira Libertadores de sua história. Os atleticanos reclamam até hoje.

Hora da estreia

Assim como o Flamengo, o Galo se movimentou nos últimos anos para construir o seu estádio e tem a Arena MRV como casa desde meados de 2023. Apesar disso, o timing não deixou que as equipes se enfrentassem no ano passado. Ou seja, cariocas e mineiros farão a estreia nesta quarta-feira (3).

O duelo de 2023 disputado em Belo Horizonte, inclusive, rende memórias divididas ao torcedor do Flamengo. A equipe até conseguiu vencer o Galo de virada, com gols de Arrascaeta e Wesley, mas acabou implodindo no vestiário diante do episódio de agressão de Pablo Fernández, preparador físico, a Pedro. A partir daí, o trabalho de Jorge Sampaoli nunca mais foi o mesmo.

Agora, o ambiente do Flamengo é totalmente diferente. Tite e companhia buscarão a vitória diante de um Atlético Mineiro que vem oscilando na Arena MRV. A bola rola a partir das 21h30 (de Brasília), em jogo válido pela 14ª rodada do Brasileirão.

Veja todos os estádios que Flamengo e Atlético-MG já se enfrentaram

  • Antônio Carlos, Lourdes
  • Laranjeiras
  • Gávea
  • General Severiano
  • Alameda (extinto estádio do América-MG)
  • Independência
  • Justiniano de Melo (Colatina)
  • Maracanã
  • Mineirão
  • Serra Dourada
  • Mané Garrincha
  • Serejão (Taguatinga)
  • Raulino de Oliveira
  • Ipatingão
  • Luso-Brasileiro
  • Arena do Jacaré
  • Engenhão (Estádio Nilton Santos)
  • Arena Pantanal
Foto de Guilherme Xavier

Guilherme Xavier

Jornalista formado pela PUC-Rio. Da final da Libertadores a Série A2 do Carioca. Copa do Mundo e Olimpíada na bagagem. Passou por Coluna do Fla e Lance antes de chegar à Trivela, onde apura e escreve sobre o Flamengo desde 2023.
Foto de Alecsander Heinrick

Alecsander Heinrick

Jornalista pela PUC-MG, passou por Esporte News Mundo e Hoje em Dia, antes de chegar a Trivela. Cobriu Copa do Mundo e está na cobertura do Atlético-MG desde 2020.
Botão Voltar ao topo