Brasil

Botafogo afasta Romero e Hernández por indisciplina, e reintegra volante ao elenco

Por questões disciplinares, os meias Óscar Romero e Diego Hernández foram cortados da viagem para Lima, onde o time enfrente o Universitario, pela Libertadores

O Botafogo tem um problema extracampo que pode afetar o importante jogo contra o Universitario-PER, pela Copa Libertadores, na próxima quinta-feira (16). Nesta segunda-feira (13), o clube anunciou o afastamento dos meio-campistas Óscar Romero e Diego Hernandez. Por razões disciplinares, os dois estrangeiros foram cortados da viagem para Lima, no Peru.

O clube carioca, no entanto, não detalhou quais foram os atos de indisciplina dos dois jogadores. Romero e Hernández estavam em Fortaleza, com a delegação do Botafogo, que enfrentou o Fortaleza, no último domingo (12), pelo Campeonato Brasileiro. O paraguaio e o uruguaio voltaram para o Rio de Janeiro na manhã desta segunda-feira. Durante a tarde, o elenco seguiu para Lima em voô fretado direto da capital cearense.

Romero, inclusive, foi titular do Botafogo contra o Fortaleza e deu a assistência para o gol de Danino Barbosa, que garantiu o empate me 1 a 1 com o Leão do Pici. O paraguaio vinha ganhando espaço no time de Artur Jorge e havia sido escalado pela primeira vez para começar uma partida com a camisa alvinegra.

Considerado uma promessa do futebol uruguaio, Diego Hernández está no Botafogo desde a última temporada. No entanto, o jovem meia teve poucas oportunidades em 2023 e só disputou cinco partidas no último ano. Já na atual temporada, ele começou a receber mais oportunidades e vinha sendo utilizado com frequência por Artur Jorge. O uruguaio tem 12 jogos em 2024, com um gol e uma assistência.

Confira a nota do Botafogo

O Botafogo informa que, por razões disciplinares, os atletas Romero e Diego Hernández não vão seguir com a delegação de Fortaleza para Lima, onde o Botafogo enfrenta o Universitario, na quinta (16), pela Conmebol Libertadores. Ambos retornam ao Rio e irão realizar atividades em separado nos próximos dias no CT Lonier.

Volante será reintegrado ao elenco

Enquanto Óscar Romero e Diego Hernández são afastados do elenco, outro jogador será reintegrado ao grupo. Ainda nesta segunda-feira, o Botafogo anunciou que o volante Kauê, que foi acusado de agressão pela ex-namorada, voltará a trabalhar com o elenco após o “manifestação do Ministério Público do Rio de Janeiro pelo arquivamento do inquérito policial envolvendo o atleta”.

No fim de abril, o volante de 19 anos havia sido acusado de violência doméstica pela ex-namorada, Isabella Rodrigues. Na época, Kauê alegou “legítima defesa”.

Confira a nota do Botafogo sobre Kauê

Após o afastamento inicial do atleta Kauê para a apuração dos fatos com a reserva e privacidade que o caso requeria, o Botafogo, diante da manifestação do Ministério Público do Rio de Janeiro pelo arquivamento do inquérito policial envolvendo o atleta, comunica que o jogador será reintegrado às atividades protocolares da equipe principal.

Foto de Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues é jornalista formado pela UFF e soma passagens como repórter e editor de Lance!, Esporte News Mundo e Jogada10.
Botão Voltar ao topo