Ásia/Oceania

[Vídeo] A beleza de um estádio dividido pôde ser apreciada no Dérbi de Teerã

O clássico de Teerã é conhecido como “Dérbi Azul e Vermelho”. Um apelido que adotado pelas cores de seus eternos rivais, Persepolis e Esteghlal. Considerado pela revista World Soccer como a maior rivalidade da Ásia, o confronto entre os gigantes iranianos acontece desde 1968. Nesta sexta, chegou a sua 82ª edição como deve ser: com o Estádio Azadi lotado, fazendo jus à alcunha do dérbi. Ainda que algumas faixas permanecessem vazias por segurança, as arquibancadas se dividiram igualmente entre azuis e vermelhos. Imagem belíssima, que se tornou ainda mais impressionante com a festa de gols na partida: o Persepolis venceu por 4 a 2.

O grande nome da partida foi Mehdi Taremi, autor de dois gols para os vermelhos. E o resultado teve grande valia ao clube, que assumiu a liderança do Campeonato Iraniano e roubou pontos do Esteghlal, estacionado na terceira colocação. Maior campeão nacional, o Persepolis chegou à 20ª vitória oficial no dérbi, apenas uma a menos que os rivais. Motivo para se esperar outro clássico vibrante quando as equipes se reencontrarem na próxima temporada.

Vimos nos amigos do @NSenseFootball:

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo