Ásia/Oceania

Shimizu S-Pulse é punido por cartaz de torcida adversária

A J-League multou o Shimizu S-Pulse em aproximadamente € 17 mil. A punição se deve pelo fato de dois torcedores do Jubilo Iwata terem levado um cartaz, durante a partida realizada no dia 28 de maio, ofendendo o treinador iraniano Afshin Ghotbi, do Shimizu S-Pulse.

Dois adolescentes que torciam para o Jubilo Iwata estenderam um banner com a mensagem “Para Ghotbi, pare de fazer armas nucleares”. Como o jogo foi no estádio do Shimizu, a entidade responsável pelo Campeonato Japonês decidiu punir a equipe. Os dois torcedores já tinham sido proíbidos de assistir as partidas da J-League por tempo indeterminado.

Ghotbi, de 47 anos, nasceu na cidade iraniana de Shiraz. Antes de assumir o Shimizu S-Pulse em janeiro deste ano, ele treinou o Irã e foi assistente na seleção sul-coreana e no Los Angeles Galaxy.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo