Ásia/Oceania

Renato Cajá é punido na China por “desrespeito”

O meia Renato Cajá, ex-Botafogo e Ponte Preta, foi punido na China pelo seu clube, o Guangzhou Hengda, por ter “desrespeitado o técnico e a torcida”.

A punição é porque o jogador, ao ser substituído, se recusou a cumprimentar o técnico e agradecer aos torcedores no empate por 2 a 2 no sábado, contra o Beijing Guo'an.

O clube irá deduzir € 14 mil do salário do jogador, de 27 anos, e seria punico com outros € 32 mil. “Renato irá treinar com o time reserva a partir de hoje”, diz comunicado do clube. “Seu retorno ao time principal irá depender do seu desempenho”.

Renato foi contratado pelo Hengda no mês passado junto ao Botafogo, em um contrato de quatro anos. O jogador se destacou na POnte Preta vice-campeã paulista de 2008, passou sem destaque pelo Grêmio e vinha se destacando no Botafogo ao ser contratado.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo