Ásia/Oceania

Lembra dele? Diogo, ex-Portuguesa, faz o seu em goleada do JDT, que conquista o título da Malásia

O atacante Diogo, ex-Portuguesa, Flamengo, Palmeiras e Santos, defende o Johor Darul Ta’zim, ou JDT, time da Malásia, e conquistou o título nacional com uma rodada de antecedência e ainda invicto. A conquista veio em um 4 a 1 sobre o Sabah LS10, com gol do brasileiro, nesta sexta-feira. É o sétimo título consecutivo do JDT e o segundo com o jogador brasileiro no elenco.

[foo_related_posts]

Aos 33 anos, o atacante está no clube desde janeiro de 2019. Foi contratado junto ao Buriram, da Tailândia, onde ficou cinco anos e marcou 119 gols em 139 jogos. Seu último clube no Brasil foi o Palmeiras, na temporada 2014. Defendeu a Portuguesa, em 2013, clube pelo qual se formou, e depois rodou por Olympiacos, Flamengo e Santos. São cinco anos atuando na Ásia desde a ida para a Tailândia.

Nesta temporada, com a paralisação causada pela pandemia do coronavírus, o campeonato na Malásia foi reduzido. Com 12 times na primeira divisão, a liga foi reduzida a apenas um turno. Na 10ª rodada, a vitória por 4 a 1 sobre o Sabah, 10º colocado, sacramentou a taça.

O JDT tem 26 pontos e o segundo colocado, Perak, tem 17, com um jogo a menos. Ainda que vença e chegue a 20, com apenas uma rodada para o fim do Campeonato Malaio, não há mais chance de reverter o quadro.  O gol de Diogo foi o que abriu o placar para o JDT na partida desta sexta-feira. É o segundo título de Diogo com o JDT, que na temporada 2019 marcou 14 gols em 27 jogos.

“Estou muito feliz, com sentimento de dever cumprido. Foi um campeonato atípico para todos, mas tivemos o mérito de trabalhar bem durante a paralisação para conseguir voltar ainda melhor do que já estávamos no começo do ano. Por isso acredito que nosso grupo está de parabéns. Merecemos essa conquista”, afirmou o atacante Diogo, titular nos 10 jogos da Superliga da Malásia. Fez quatro gols e deu cinco assistências na temporada.

Confira os gols do jogo:

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo