Ásia/Oceania

Gol de goleiro, confusão generalizada e 19 minutos de acréscimos: Tudo isso rolou no mesmo jogo da J-League

Em um final de semana extremamente tumultuado no futebol, a atmosfera pesada pareceu afetar até mesmo o Campeonato Japonês. No sábado, pela penúltima rodada da J-League, Shimizu S-Pulse e Vissel Kobe fizeram uma partida pra lá de insana. E não apenas pelo movimentadíssimo empate por 3 a 3, com os anfitriões se salvando nos últimos suspiros. O duelo teve gol de goleiro, briga generalizada e incríveis 19 minutos de acréscimos no segundo tempo. Andrés Iniesta e Lukas Podolski, destaques em Kobe, apareceram entre os protagonistas.

Até parecia um jogo normal em Shizuoka. O Vissel Kobe abriu o placar no primeiro tempo, graças a uma assistência magistral de Iniesta, habilitando Naoyuki Fujita. Yosuke Kawai empatou para o Shimizu, mas Kyogo Furuhashi e Hirotaka Mita deram boa vantagem aos visitantes no início do segundo tempo. Foi quando a situação começou a azedar para o Kobe. A dez minutos do fim, Fujita recebeu o segundo amarelo e foi expulso. E os anfitriões encostaram no placar cinco minutos depois, graças ao brasileiro Douglas, ex-Figueirense.

Os acréscimos deveriam ter apenas quatro minutos, mas as lesões de dois jogadores retardaram o apito final. Assim, houve tempo para o goleiro Yuji Rokutan, do Shimizu, arrancar o empate heroico aos 59 minutos do segundo tempo – se redimindo dos erros em dois dos três tentos que tomou. A bola ainda rolaria mais um pouco depois disso e, irritados, os jogadores do Vissel Kobe perderam a cabeça. O atacante Wellington acertou um adversário e foi expulso. A jogada causou grande confusão entre os times, com Lukas Podolski trocando xingamentos com o assistente do Shimizu. Wellington ainda derrubou jogou Rokutan no chão, precisando ser retirado pela segurança rumo aos vestiários. Ao fim do duelo, mais cobrança dos jogadores visitantes, agora sobre a arbitragem.

A situação do Vissel Kobe é ruim, mas sem riscos. O time está a dois pontos da zona de rebaixamento, embora o confronto direto entre Nagoya Grampus e Shonan Bellmare deixe o time a salvo. Kashiwa Reysol e V-Varen Nagasaki foram relegados, enquanto o Nagoya atualmente ocupa a zona de playoffs contra o terceiro colocado da segundona. O Shimizu é  sétimo, sem chance de classificação às copas continentais.

https://www.youtube.com/watch?v=J2D25mLYDV4

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo