Ásia/Oceania

AFC pede restituição da diretoria da federação iraquiana

A confederação asiática (AFC) solicitou a imediata restituição da diretoria da federação iraquiana. O governo do país dissolveu a comissão eleita e, por isso, a entidade pode ser punida.

“A federação iraquiana e seu comitê executivo são comissões eleitas democraticamente e apenas seu congresso tem o poder de dissolvê-lo. A AFC reconhecerá e se relacionará apenas com a direção eleita de forma democrática”, afirmou Mohamed bin Hammam, presidente da confederação.

Um desentendimento entre oficiais do governo do Iraque, o comitê olímpico do país e a federação de futebol deu início à discussão. Nesse tipo de interferência, a Fifa costuma suspender a federação da disputa de competições internacionais até a resolução do problema.

Atual campeão da Copa da Ásia, o Iraque tem sua presença nos Jogos Olímpicos de Pequim ameaçada. “A AFC apela ao ministro dos Esportes do Iraque para restabelecer a integridade de sua federação, para que ela retorne às atividades normais”, completou Mohamed bin Hammam.
 

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo