Sul-Americana

Jogo tenso em campo e nas arquibancadas: Corinthians e Fortaleza deixam tudo aberto para o Castelão

Corinthians e Fortaleza empatam na Neo Química Arena em partida marcada por nervosismo no gramado e tensão nas torcidas

Corinthians e Fortaleza entraram em campo nesta terça-feira (26), pelo primeiro jogo da semifinal da Copa Sul-Americana em busca do mesmo objetivo: uma vaga na final para quem sabe conquistar pela primeira vez o título, taça que nenhuma das duas equipes tem, e o placar por 1 a 1, em Itaquera, deixou tudo na mesma. 

Antes mesmo da bola rolar, o clima era quente nas duas torcidas. No setor norte da Neo Química Arena, destinado às torcidas organizadas, sinalizadores foram acessos e acabaram colocando fogo em um dos papéis do mosaico feito no estádio, com isso a correria foi grande. Vários torcedores foram ao ambulatório para buscar ajuda médica. Entre eles, Jaqueline Ferreira, uma torcedora asmática, por não conseguir respirar devido à fumaça densa, acabou caindo e fraturando o braço, sendo retirada da arquibancada de maca e levada para o setor médico.

Já no setor visitante, a Polícia Militar do Estado de São Paulo precisou intervir depois que duas torcidas do Fortaleza iniciaram uma briga por conta do espaço e do lugar que cada um tinha colocado sua faixa. Em imagens divulgadas nas redes sociais, é possível ver os torcedores trocando chutes e pontapés. A briga entre os torcedores tricolores recomeçou aos 30 do segundo tempo, e a PM precisou intervir mais uma vez. 

Em campo, o empate deixa tudo em aberto para o jogo da terça-feira no Castelão, e as duas equipes precisarão da vitória para passa no tempo normal. Se o empate persistir, a decisão será nos pênaltis. 

Corinthians conseguiu o empate na raça porque na tática não teria como

A surpresa do torcedor corinthiano começou quando a escalação foi divulgada sem a presença de Matías Rojas até mesmo no banco de reservas. O maior questionamento era porque nas imagens divulgadas pelo clube, Rojas estava treinando normalmente. Além disso, nas redes sociais do clube, era fácil encontrar fotos da camisa 10 do paraguaio no vestiário alvinegro. Minutos depois, a assessoria informou que Matias tinha uma lesão no músculo posterior da coxa esquerda. 

O futebol apresentado pelo Corinthians não mudou em nada em relação aos últimos jogos. Ao que parece pouco foi mudado do jogo da última sexta-feira, contra o Botafogo, para esta terça-feira. O time continua sem padrão tático, e exigindo dos jogadores um posicionamento diferente do que o habitual. 

Vale ressaltar a parte defensiva do Timão, principalmente no primeiro gol. Em mais uma bola parada onde o Corinthians errou a marcação e Fábio Santos acabou vendido no lance. O lateral caiu na área e o arbitro até chegou a anular o gol do Fortaleza por uma possível falta, mas ao rever o lance no VAR, validou o gol da equipe visitante. 

A bola do Timão só entrou vinte minutos depois, aos 40 minutos, com um passe incrível do Renato Augusto e a finalização forte de Yuri Alberto. Depois do intervalo e mesmo com as mudanças, o jogo do Corinthians não mudou, a não ser pelo fato dos jogadores parecerem afobados e tentando desesperadamente acertar qualquer chute que pudesse na direção do goleiro João Ricardo. 

Fortaleza fez o dever e agora vai decidir em casa

O Fortaleza fez o dever de casa, ou melhor, fora de casa, conseguiu o empate, resultado ótimo para Leão do Pici que agora jogará no Castelão, diferente de Luxemburgo, Vojvoda estudou o jogo do Corinthians, o que, na verdade, já tinha feito na partida do Campeonato Brasileiro, quando venceu o Alvinegro por 2 a 1. O gol do Fortaleza saiu aos 21 do primeiro tempo, com Zé Welison cabeceando após cobrança de escanteio do Marinho. 

Ao todo o Leão do Pici finalizou ao gol corinthiano 14 vezes, e se não ampliou o placar na segunda etapa vezes, foi porque parou por duas grandes oportunidades nas defesas do Cássio, mas era claro que o Fortaleza

A sequência de jogos de Corinthians e Fortaleza

O Corinthians volta a campo no sábado (30), para enfrentar o São Paulo, no Morumbi, às 18h30, pelo Campeonato Brasileiro. Depois disso, o Timão deve se concentrar e viajar para Fortaleza, onde encara o Leão do Pici pelo segundo jogo da semifinal da Sul-Americana. 

Já o Fortaleza, joga em casa, também no sábado, no Castelão, às 16h, contra o Grêmio. A equipe Juan Pablo Vojvoda está na oitava colocação com 38 pontos. Depois disso a equipe começa os últimos preparativos para o segundo jogo com o Timão. 

Foto de Jade Gimenez

Jade Gimenez

Jornalista, fascinada por esporte desde a infância, paixão que se tornou profissão. Além do futebol me mantenho por dentro de outras modalidades desde Fórmula 1 até NFL. Trabalhei como repórter em TV e rádio cobrindo partidas de futebol, futsal e basquete.
Botão Voltar ao topo