Sem categoria

Na saída, ´Luxa´ critica Real Madrid

Vanderlei Luxemburgo se despediu completamente do Real Madrid nesta quinta. O ex-treinador do time merengue compareceu à Ciudad Deportiva, centro de treinamentos do clube, e leu um comunicado no qual teceu algumas críticas.

No início do texto, Luxemburgo destacou os pontos positivos de sua passagem por Madri. “Não me arrependo de maneira alguma de ter aceitado esta missão. Aprendi muito aqui em todos os aspectos e esta experiência é muito importante”, afirmou.

Porém, logo ele mudou o tom do discurso. “Quando cheguei ao Real Madrid, trouxe comigo um projeto. Pensava que na Europa os projetos seriam mais respeitados e não dependessem de um resultado. Nunca imaginei que perder um clássico pudesse causar tanta instabilidade em uma entidade da importância do Real Madrid, nem que em cada noventa minutos se pusesse a perigo o cargo de treinador do clube. Sem dúvida, são coisas que me decepcionam”, disse Luxemburgo, referindo-se à derrota por 3 a 0 sofrida em pleno Santiago Bernabéu para o Barcelona.

Apesar da fase ruim vivida pelo clube, o treinador confiava na recuperação da equipe. “Nos meus planos estavam previstos momentos bons e ruins, com passei em outros clubes grandes e que logo ganharam títulos. Estávamos em uma situação ruim, mas sabia que acabaríamos com estas três semanas nas quais poderíamos treinar com todo o grupo. Estava convencido de que a equipe sairia desta situação e me surpreendi por um clube grande não entender estes detalhes”, lamentou.

Além disso, Luxemburgo acreditava na conquista de títulos. “Sempre disse que ganharíamos a Liga e sigo convencido que teríamos feito isso porque a equipe cresceria. Estava seguro de que em julho conquistaríamos pelo menos um dos títulos que pretendíamos. Nunca pensei que os planos seriam cortados desta maneira”.

Ele também comentou a respeito das críticas e vaias recebidas pela torcida nas últimas partidas. “Quero agradecer aos torcedores do clube pelas demonstrações de carinho que me deram durante minha passagem. É certo que, em onze meses, fui vaiado em duas das minhas decisões. Mas é uma porcentagem muito pequena para tanto carinho que recebi em todo este período”. A torcida se revoltou quando Luxemburgo trocou Beckham no jogo contra o Lyon, pela LC, e quando trocou Ronaldo por Gravesen no último duelo do Real Madrid, contra o Getafe, no último fim de semana.

Por fim, Luxemburgo também alfinetou parte da imprensa. “Para quem me elogiou ou criticou segundo critérios jornalísticos, só posso lhes agradecer e mostra-lhes meu respeito e admiração. Para quem confundiu jornalismo com perseguição, simplesmente desejo boa sorte”, concluiu.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo