Sem categoria

Milan descarta recurso após invasão de campo

O Milan não pretende entrar com recurso na Uefa após a invasão de campo por parte de um torcedor do Celtic no jogo desta quarta-feira, em Glasgow, pelo grupo D da Liga dos Campeões. O incidente se deu após o gol que definiu a vitória do Celtic por 2 a 1, aos 45 minutos do segundo tempo.

O invasor correu pela grande área do Milan e chegou a dar um leve tapa no goleiro Dida, que a princípio tentou persegui-lo, mas em seguida se jogou no chão como se tivesse se lesionado. O brasileiro foi substituído pelo australiano Zeljko Kalac antes do apito final.

“Não entraremos com recurso, é uma decisão que tomamos de acordo com o presidente Silvio Berlusconi”, disse após a partida o vice-presidente Adriano Galliani. “É uma decisão que tomamos porque somos campeões da Europa e devemos nos comportar como tal”.

Em junho deste ano, um torcedor invadiu o campo e agrediu o árbitro do jogo entre Suécia e Dinamarca, pelas eliminatórias da Eurocopa-08. A partida foi imediatamente encerrada, e a Uefa declarou a Suécia vencedora por 3 a 0.

O técnico Carlo Ancelotti também se mostrou contrário a um recurso do Milan. “Não sei e não quero nem pensar”, disse. “Não creio que seja algo grave”.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo